Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
12/11/21 às 17h21 - Atualizado em 19/11/21 às 17h15

Danda Bárbara

COMPARTILHAR

Texto e edição: Mônica Pedroso (Ascom/Secec)

20.11.21

08:00:00

 

Versátil. Esse adjetivo ajuda a explicar o perfil profissional de Dayana Bárbara dos Santos Coqueiro, a moradora de São Sebastião conhecida como Danda Bárbara. Afinal de contas, ela é atriz, percussionista, rapper e compositora. Mas veja só, a trajetória dela começou no circo! Foi em 2002, na Escola de Meninos e Meninas do Parque, em Brasília, atuando como palhaça com os Irmãos Saúde e o Palhaço Mandioca Frita.

 

Danda Bárbara

Entre 2005 e 2006, partiu para o teatro fazendo a percussão da peça “Mandala – Mitologia dos Orixás”, dirigida por Benedito Vasconcelos e Eliana Carneiro.

 

Em 2006, foi atriz e compositora do “Rap da Nísia” no documentário Nísia Floresta, dirigido por Tânia Quaresma.  Dois anos depois, estava atrás das câmeras como assistente de produção do longa-metragem “Pra Ficar de Boa” com direção de Núbia Santana.

 

Em 2016, a camaleoa mostra a faceta rapper  ganha o slam da Ocupação da Funarte Brasília. Em 2017, ela repete o feito no Slam Q’brada, em Samambaia, apresentado o Sarau Complexo.

 

Volta ao cinema um ano depois como atriz e consultora para as cenas do curta “Presos que menstruam”, com direção de Alisson Sbrana, vencedor do Prêmio do Júri e do Troféu Candango de melhor Elenco Feminino no 51º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro.

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Ascom/Secec)

E-mail: comunicacao@cultura.df.gov.br