Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
6/10/22 às 12h30 - Atualizado em 6/10/22 às 12h30

Resultado provisório revela organização que vai gerir projeto CIC 2022

Texto e edição: Ascom Secec

1/8/2022

10:00

 

Foi divulgado no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta segunda-feira, 1/8, o resultado provisório do Edital Nº 13/2022 da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF (Secec), que selecionou Organização da Sociedade Civil (OSC) para executar as ações previstas para celebrar o título de Brasília como Capital Ibero-americana das Culturas (CIC) em 2022. A Associação de Educação, Esporte, Cultura e Economia Criativa (AECEC) foi a empresa classificada, após análise da documentação apresentada pelos quatro proponentes participantes.

 

Acesse a íntegra do resultado provisório do Edital Nº 13/2022.

 

Conforme previsto no edital, o prazo para interposição de recursos é de cinco dias corridos, a contar da publicação do resultado provisório. A partir daí, será então publicado o resultado final para a assinatura do termo de colaboração. Com recurso total de R$ 1 milhão, a OSC vencedora será responsável por ofertar programação cultural alinhada com a diversidade das identidades culturais presentes na cidade, promover o intercâmbio cultural entre os artistas e entidades dos países da Ibero-américa, realizar atividades formativas e dar visibilidade a manifestações culturais do DF, que sejam reconhecidas como patrimônios imateriais locais, brasileiros ou da humanidade.

 

O formato do projeto deve ser multicultural, com previsão de realização das atividades principais nos ambientes internos e externos do Eixo Cultural Ibero-americano, localizado no Eixo Monumental (Plano Piloto). As atividades complementares poderão ser executadas nos espaços culturais geridos pela Secec e nas demais Regiões Administrativas do DF.

 

PROJETO CIC 2022

Desde o início da candidatura, em 2019, a Secretaria de Cultura e Economia Criativa e o Escritório de Assuntos Internacionais do DF têm trabalhado em conjunto para fortalecer a identidade ibero-americana da capital. Em 2021, foi criado o comitê curatorial, formado por órgãos do GDF, que vai ratificar as estratégias adotadas e calendário de eventos que farão parte do projeto Brasília – Capital Ibero-americana das Culturas. Além das ações já realizadas durante esse período, já estão previstos para este segundo semestre de 2022 ações diversas, como concertos com a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro, mostra de filmes no Cine Brasília, exposição de artes visuais, entre outras atividades em parceria com embaixadas ibero-americanos sediadas em Brasília.