Governo do Distrito Federal
9/02/22 às 11h17 - Atualizado em 9/02/22 às 15h14

Orquestra ao vivo emociona público

Texto: Alexandre Freire. Fotos: Daniel Marques / Edição: Sérgio Maggio (Ascom Secec)

9/2/2022

12:05:34

 

Ouça o resumo da notícia

 

Com público emocionado, a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (OSTNCS) abriu a aguardada temporada presencial, em nova casa: o Auditório o Museu Nacional da República (MUN). Obedecendo aos procedimentos de segurança sanitária, 400 pessoas contemplaram o programa da noite: “metais e percussão”, que apresentou um conjunto de obras para o naipe, com destaque para arranjos e composições do trompista da sinfônica Fernando Morais.

 

Leia mais

Orquestra celebra Semana de 22 no Museu

 

Presente ao concerto, o secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues, saudou o retorno da Orquestra, equipamento cultural gestado pela pasta. “Com todas as medidas de segurança adotadas, é sempre confortante ver a Sinfônica voltar aos palcos numa temporada que tem tudo para entrar na história”, destacou, antes de fazer um fala emocionada para a plateia.

 

Daniel Marques

 

“Brasília este ano é a Capital Ibero-Americana de Culturas. Como grande parte do repertório está voltado para valorizar compositores de países de língua portuguesa e espanhola, será emocionante ouvir Astor Piazzolla, Augustin Lara, entre outros”.

Bartolomeu Rodrigues

 

No comando artístico da noite, o maestro Cláudio Cohen não escondia a emoção de dirigir “um grupo tão especial na abertura da temporada 2022 da Orquestra”:

 

“Nosso naipe de metais e percussão tem grande qualidade musical e um forte potência sonora,”

 

“Os arranjos estão lindos. Essa seção de metais e percussão é muito poderosa e ágil, podendo cobrir praticamente qualquer tipo de repertório, sinfônico, sacro e popular”, acrescentou o trompista Fernando Morais.

 

PÚBLICO FELIZ

 

A OSTNCS trouxe de volta à plateia público cativo como o casal Lucas Deibson, assistente de licitação, e Mariene Alves, auxiliar de escritório. Ele acompanha a Orquestra desde as temporadas do Teatro Nacional e do Cine Brasília.; Ela passou um tempo fora de Brasília e, agora, mata saudades.

 

“Amo quando tocam Beethoven, meu compositor favorito. É muito inspirador ouvi-la, evoca a liberdade, essência do ser humano”, confessou Lucas.

 

“A Orquestra nos inspira a sermos melhores. Essa música me faz voar”, emendou Mariene.

 

Estudante de Relações Internacionais, Ingrid Pereira também não escondia a felicidade com a volta da Orquestra. “É um excelente programa, de alto nível, gratuito, num lugar bem-localizado”, comemorou.

 

Programe-se

 

AUDITÒRIO DO MUSEU DA REPÚBLICA

Terças-feiras, às 20h.

A entrada é gratuita, por ordem de chegada, sendo obrigatórios a apresentação de cartão de vacinação e o uso de máscara.

 

15/2

Homenagem a Semana de Arte Moderna de 1922

 

Heitor Villa-Lobos,  “Bachianas Brasileiras nº 1”

Orquestra de Violoncelos

“Bachianas Brasileiras nº 5”

Orquestra de Violoncelos, soprano Solista

Ana Luísa Melo (Soprano)

 

“Bachianas Brasileiras nº 6 para flauta e fagote”

Mechthild Bier (flauta) e Flávio Lopes (fagote)

 

“Bachianas Brasileiras nº 9 Orquestra de Cordas”

Maestro Cláudio Cohen

 

22/2

Homenagem ao escritor Stefan Zveig

Gustav Mahler, “Adagietto da Sinfonia nº 5”

W.A.Mozart, “Concerto nº 4 para trompa e orquestra”

Solista, Ellyas Lucas

Richard Strauss, “Suíte Opus 4 para sopros”

Maestro Cláudio Cohen

 

CANAL DA OSTNCS NO YOUTUBE (ÀS SEXTAS-FEIRAS)

OSTNCS YouTube

04/02

Rossini, “La Scala di seta”

 

11/02

200 anos independência

Marcos Portugal , “Il Duca di Foix”

João de Deus Castro Lobo, “Abertura em Ré”

 

18/02

Carlos Gomes, “Sonata para Cordas”

Ian Deterling, “The Golden Retriever”

Trent Johnson, “The Tie That Binds”

Patrick McCarty, “Sonata”

Solista – Darrin Milling (trombone baixo)

 

25/02

200 anos independência

José Joaquim de Souza Negrão, “Abertura Estrela do Brasil”

Jose Mauricio Nunes Garcia, “Abertura em Ré”

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Ascom/Secec)

E-mail: comunicacao@cultura.df.gov.br