Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/12/21 às 11h55 - Atualizado em 15/12/21 às 16h30

Museu da República celebra 15 anos

Texto: Ciça Souza/ Edição: Sérgio Maggio (Ascom Secec)

15/12/2021

12:23:17

 

Ouça o resumo da notícia

 

 

Projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, o Museu Nacional da República (MuN) completa, nesta quarta-feira (15.12), 15 anos com concerto da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro (OSTNCS) às 20h, no auditório, com repertório que passeia pela obra de Georges Enesco e Richard Strauss.

 

O acesso é livre e está sujeito à lotação de 350 pessoas. Todos os protocolos sanitários de combate ao coronavírus serão adotados. Serão obrigatórios o uso de máscaras no local, e o cartão de vacina.

 

Confira o repertório

Concerto da OSTNCS no Museu da República (15.12) 

 

Saiba mais

Museu Nacional da República 

 

Na sexta-feira (17.12), serão inauguradas três novas exposições. Rodrigo Sassi – “Fora dos Planos”, Marcelo Brodsky – “Eternas Diásporas” e “ArteMídiaMuseu”. Essa última será a primeira exposição de arte digital feita no website do MUN.

 

Acesse

MUSEU Nacional da República 

 

Fotos: Lúcio Bernardo Jr/Agência Brasília

“O Museu Nacional da República está no coração de Brasília, ao lado da Rodoviária do Plano Piloto, com o acesso fantástico de público. É nesse sentido um espaço estratégico de difusão e democratização da arte no DF”, observa o secretário Bartolomeu Rodrigues.

 

Em uma década e meia, o Museu Nacional abrigou inúmeras exposições nacionais e internacionais, seminários, mostras de filmes e festivais de teatro, assim como exposições de médio e grande porte de acervo próprio.

 

 

Equipamento da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec), o MuN é o principal espaço de artes visuais do Centro-Oeste e um dos maiores do Brasil. Só neste ano, teve visitação de 48.5 mil pessoas, mesmo  tendo ficado boa parte do ano fechado por conta da pandemia. O público é bem diversificado, composto tanto por apreciadores, especialistas, artistas e pela população.

 

“Apesar de ser um museu novo e com um acervo em construção, o MuN hoje conta com uma programação muito ativa e participativa dentro da cadeia produtiva cultural e que dialoga com artistas locais, nacionais e até internacionais”, aponta Sara Seilert, diretora do Museu.

 

Foto de Hugo Lira

Os alunos de Rozieny

Muitas escolas costumam visitar o espaço ao longo do ano letivo. O colégio Santa Dorotéia é um deles. A supervisora da escola, Rozieny Cerqueira Souza, conta que organiza regularmente esse tipo de excursão com os alunos. “Conhecer o Museu Nacional da República é mais que uma proposta cultural ou educacional, é um ensinamento para a vida.”

 

Localizado no Eixo monumental de Brasília, o Mun faz parte do Complexo Cultural da República e já constava no Relatório do Plano Piloto de Brasília 1, elaborado em 1957 por Lúcio Costa. O equipamento tombado desperta na população um sentimento de pertencimento histórico e cultural. Sua missão é o incentivo e a difusão da cultura visual, bem como o reconhecimento universal da arte contemporânea.

 

 

A construção do MuN teve início em 1999 e sua inauguração ocorreu em 15 de dezembro de 2006, dia do aniversário de 99 anos de Niemeyer. Para celebrar a abertura do espaço, foi organizada uma exposição sobre a obra do arquiteto.

 

O formato semiesférico lembra uma nave espacial e, ao adentrar no espaço, muitas vezes temos mesmo a impressão de estar entrando em outra dimensão. A acústica do ambiente e a forma como as luzes são projetadas nas paredes aguçam nossa imaginação.

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Ascom/Secec)

E-mail: comunicacao@cultura.df.gov.br