Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
2/08/23 às 16h19 - Atualizado em 2/08/23 às 19h07

MinC e Secec estreitam relações em primeira reunião

Representantes dos dois órgãos debateram pautas em comum com objetivo de intensificar parcerias

 

Texto: Lúcio Flávio. Edição: Sâmea Andrade (Ascom Secec)

 

Claudio Abrantes ao centro e Prestes à esquerda. Foto: Caio Marins

 

Uma etapa importante para o segmento cultural e artístico do Distrito Federal se materializou na manhã desta quarta-feira (2/8), com a primeira reunião realizada entre a nova gestão da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) e dirigentes do Ministério da Cultura (MinC). A ministra da Cultura, Margareth Menezes, junto com sua equipe, agradeceu a oportunidade. Para o secretário Claudio Abrantes, momento propício para estreitar as relações e intensificar parcerias entre os dois órgãos em todas as vertentes.

 

“Desde que assumimos a secretaria que a gente queria fazer essa aproximação com o Ministério em todos os sentidos, nos colocando à disposição para todos os programas, ações e parcerias. Estamos de braços e coração abertos”, disse o gestor. “A nossa vinda aqui tem a ver com essa necessidade de intensificar as relações, aprofundarmos os incentivos nessa parceria entre o Governo do DF e o Governo Federal”, fez coro o subsecretário de Fomento e Incentivo Cultural, José Carlos Prestes.

 

Entre os temas abordados pelas duas equipes, questões pertinentes à cultura local em várias frentes, como as reformas da Praça dos Três Poderes e do Teatro Nacional, e o andamento das políticas de fomento, como as leis Aldir Blanc, Paulo Gustavo e Fundo de Apoio à Cultura (FAC). Também esteve em pauta o potencial da economia criativa e o fortalecimento do mercado da indústria cultural local, setor que, no DF, é superior ao da construção civil. A equipe do MinC que acompanhou a reunião foi composta pelo chefe de gabinete, Francisco Guerreiro, a secretária dos Comitês de Cultura, Roberta Martins, o Diretor de Assistência Técnica a Estados, DF e Municípios, Thiago Rocha, além do assessor especial, Carlos Paiva. 

 

“Já queria aqui, de pronto, colocar Brasília à disposição para sediar o próximo MIC/BR – Mercado das Indústrias Criativas do Brasil, que este ano acontece em Belém (PA). Esse é um mercado que tem crescido muito aqui no DF e queremos impulsionar essa questão da economia criativa com esses debates”, fez o convite Claudio Abrantes. “Brasília tem aqui, quando a gente olha em perspectiva o país, uma realidade privilegiada para fazer, de fato, com que a cadeia produtiva da cultura e da economia criativa tenha muito corpo”, endossou o subsecretário Prestes.

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Ascom/Secec)

E-mail: comunicação@cultura.df.gov.br