Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
17/03/23 às 11h56 - Atualizado em 17/04/23 às 11h25

Conexão Cultura abre inscrições para 2023

Texto: Alexandre Freire / Edição: Sâmea Andrade (Ascom Secec)

 

O maior programa para a promoção da arte do Distrito Federal no Brasil e no exterior está com inscrições abertas. A Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) publicou, no Diário Oficial do Distrito Federal desta sexta-feira (17/3), portaria que estabelece regras e valores para execução do Programa Conexão Cultura DF em 2023.

 

O Edital permanente tem recurso de R$ 3.970.404, divididos entre pessoas físicas (R$ 3.470.404) e jurídicas (R$ 500.000). Os editais ordinários contam com R$ 1 milhão, rachados igualmente entre pessoas físicas e jurídicas.

 

“Os agentes culturais aguardavam ansiosamente a divulgação do Conexão, cujo papel, sabemos bem, é fundamental para arejar a economia criativa, propiciando a comunicação entre fazedores de cultura locais, nacionais e do exterior”, afirmou o secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues.

 

Acesse na íntegra a Portaria N° 50/2023.

 

O edital permanente contempla quatro linhas de apoio. Circulação nacional, internacional ou mista, com R$ 850.000 para pessoas físicas e R$ 75.000 para jurídicas; participação em eventos estratégicos nacionais e internacionais, com R$ 1.300.000 para pessoas físicas e R$ 100.000, jurídicas; promoção de plataformas que contribuam para fortalecer e difundir a identidade cultural local, com R$ 470.404 para pessoa física e R$ 250.000, jurídica; e intercâmbios, residências e capacitação, que aporta R$ 850.000 para pessoa física e R$ 75.000, jurídica.

 

DEPOIMENTOS

Coordenado pela Subsecretaria de Economia Criativa (SUEC), o Conexão Cultura DF já beneficiou diversos segmentos da cultura e economia criativa com apoio a custos como inscrição e participação em eventos, cursos, intercâmbios, residências, feiras, mercados, showcases, festivais, rodadas de negócios, entre outros.

 

SXSW

O sócio-fundador da produtora Fr3d Filmes e da startup Criatura Digital, Fred Reis, conta que foi por meio do Conexão Cultura que ele iniciou o processo de internacionalização da empresa em busca de coproduções e parcerias internacionais.

 

“Com o Conexão e o Fundo de Apoio à Cultura do DF, foi possível apresentar a empresa em eventos internacionais como o SXSW [Austin, Texas, nos EUA] e a CES Tech [Las Vegas]”, relata. Ele considera o apoio do estado essencial porque os custos para participação nesses eventos internacionais passam facilmente dos R$20 mil por participante. Informa que só o ingresso do SXSW 2023 supera os U$1.500.

 

Entre os benefícios da participação nessas feiras ele cita o contato pessoal com executivos de empresas e o amadurecimento de estratégias sem filtros ou intermediários. “Falamos direto com os cabeças do ecossistema. Estamos falando de reuniões com empresas de hardware e software, robótica, computação avançada, realidade virtual e inteligência artificial”, elenca.

 

“Somos imensamente gratos pela oportunidade e pelo apoio do programa. Que ele possa ser fortalecido e consiga proporcionar o crescimento do ecossistema de negócios no Distrito Federal”, arremata.

 

Teatro

Uma mulher e dois homens performam num palco de madeira

Marilia Cunha, Pedro Caroca e Gabriel Guirá, que fazem parte do Coletivo Morada. Foto: Nath Britto

A experiência da arte-educadora, atriz e dançarina Marília Cunha com o programa também é muito positiva. O Conexão apoiou uma viagem de circulação em novembro do ano passado com o espetáculo Piccolo, Concerto de Pequenas Coisas, que foi montado em residência on-line durante a pandemia. Da empreitada, surgiu também o Coletivo Morada, com três outros artistas locais.

 

“Quando você pensa em conexão, que não é somente circular com o espetáculo, pois existem também projetos formativos, isso é muito enriquecedor no processo continuado de formação do artista”, avalia Marília.

 

Cinema

O gestor de Políticas Públicas Leonardo Hernandes participou em 2022 do Conexão na linha Plataforma. Ele trouxe uma família indígena para participar da 1ª Mostra Bebelume, uma iniciativa de formação de público a partir da primeira infância em creches e escolas no DF. “Estamos desenvolvendo um filme com essa família e eles vieram participar da nossa mostra”, testemunha.

 

“Recebemos R$ 26.360, o que viabilizou a vinda de quatro indígenas. O interessante é que o programa de forma continuada dá uma dinâmica maior ao mecanismo de fomento do FAC [Fundo de Apoio à Cultura]”, entende ele.

 

Dez pessoas posam para foto, sendo 5 adultos e duas crianças indígenas. Ao fundo, edifícios da Esplanada de Brasília

Família indígena veio ao DF participar da 1ª Mostra Bebelume. Foto: Marcelo Feijó

 

O produtor executivo da Bebe Lume Produções Audiovisuais explica que a mostra já era financiada pelo FAC e, quando fizeram o projeto contemplado com recursos públicos, o convite aos indígenas ainda não estava previsto.  Leonardo entende que o Conexão “permite fazer um evento ainda mais potente e também contribui para o cenário cultural brasiliense ao trazer pessoas que possam compartilhar seus saberes com os realizadores locais”.

 

O diretor e roteirista Luiz Eduardo Gomes participou da linha Intercâmbios. Ele e dois colegas de trabalho foram participar da pré-produção do filme que o atleta de basquete estadunidense LeBron James está filmando para a Netflix, sobre um indígena nativo norte-americano, intitulado Rez Ball.

 

Gomes é o criador da BdeVaca Filmes, que já produziu, além de dois longas-metragens, trabalhos com os canais Multishow, MTV Brasil, NatGeo e CNN International. “Fomos apresentados a várias pessoas de Hollywood. Pudemos comparar nossa experiência com o que acontece na indústria americana de cinema e aprendemos um tanto com isso. Recebemos apoio de R$ 15 mil por pessoa, três ao todo”, testemunha. Ele viajou com os produtores de audiovisual Filipe Gontijo e Octávio Mendes.

 

Três homens posam para retrato

Filipe Gontijo, Octávio Mendes e Luiz Eduardo Gomes. Acervo pessoal

“Há uma diferença entre a capacidade de produção da indústria dos EUA e a nossa. Eles têm muito dinheiro e profissionais muito capacitados. Tudo isso vai render frutos para nossas produções futuras”, acredita.

 

Eles estão produzindo o filme ‘Entrequadras’, do Filipe Gontijo. A viagem também rendeu convite para acompanhar os trabalhos no set de filmagem. “O Conexão é muito necessário. O intercâmbio com a indústria americana é essencial para a indústria nacional avançar”, sentencia.

 

CONSULTA PÚBLICA

Visando fortalecer ainda mais o programa com a participação da sociedade civil, a Secec lançou consulta pública, ainda em janeiro deste ano, para aperfeiçoamento tanto do Edital Permanente, quanto dos editais ordinários. As sugestões da comunidade foram recebidas entre 30 de janeiro e 8 de fevereiro.

 

Confira a Ata de consulta pública feita pelo programa com a sociedade civil.

 

INSCRIÇÕES

As inscrições para projetos a partir de junho já estão abertas, e devem ser encaminhadas ao e-mail protocolo@cultura.df.gov.br.

 

Acesse abaixo os formulários de inscrição para cada linha:

Circulação

Intercâmbios, Residências e Cursos de Curta Duração

Participação em eventos

Plataformas

 

CONEXÃO CULTURA DF

O Programa Conexão Cultura DF, voltado à promoção e à difusão da arte e da cultura produzida no Distrito Federal, possibilita a circulação de agentes culturais e da produção artística do DF, incentiva a participação em eventos, estimula a formação e a capacitação artística e cultural dos agentes culturais da região e promove intercâmbios e residências por meio da concessão de apoio financeiro.

 

O Conexão é gerido com recursos do FAC-DF e atua por meio do Edital Permanente, que possui fluxo contínuo com inscrição e seleção de projetos durante todo o ano, e de editais ordinários específicos. Clique para saber mais sobre o programa.

 

SERVIÇO:

Calendário de inscrições

 

 

Guia para inscrições

Guia de prestação de informações

Portaria 35/2020

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Ascom/Secec)

E-mail: comunicacao@cultura.df.gov.br