Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
16/04/14 às 16h24 - Atualizado em 13/11/18 às 14h45

Via-Sacra de Planaltina terá esquema especial de segurança

COMPARTILHAR


Mais de 1,3 mil profissionais de várias forças atuarão durante o evento

A maior encenação da Paixão de Cristo do Centro-Oeste, realizada no Morro da Capelinha, em Planaltina, terá policiamento reforçado e mudanças no trânsito da região. As medidas foram divulgadas nesta quarta-feira (16) pela Secretaria de Segurança Pública e serão adotadas para garantir o deslocamento dos cerca de 150 mil fiéis que assistirão ao espetáculo.

“A Via-Sacra do Morro da Capelinha completa 41 anos neste mês, é conhecida no Brasil todo e atrai grandes quantidades de pessoas. Nossa logística, então, será feita para garantir a tranquilidade de quem for ao local”, explicou o secretário de Segurança Pública em exercício, Paulo Roberto Batista de Oliveira.

De acordo com as estratégias da pasta, o trânsito da DF-230, que passa próximo ao morro, terá sentido único a partir das 13h. No fim do evento, a via continuará funcionando em esquema especial, com as duas pistas no sentido contrário. Essa operação contará com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, uma vez que será feito o controle do acesso pela BR-020.

Para o atendimento ao público, serão montados três postos médicos pela Secretaria de Saúde. A Caesb, por sua vez, fornecerá água potável, gratuitamente, aos fiéis que forem ao Morro da Capelinha. Já a Segurança, montará um Centro de Coordenação para monitorar o evento.

Para garantir a tranquilidade dos expectadores da encenação, a Polícia Militar usará um efetivo de 1 mil policiais e 39 viaturas. O Corpo de Bombeiros disponibilizará 285 militares e 27 carros de atendimento pré-hospitalar, contra incêndio e de salvamento. Nessa mesma operação, o Detran colocará à disposição 60 servidores e 30 viaturas.

Ao todo, segundo dados do GDF divulgados durante coletiva de imprensa, o Distrito Federal terá, em média, 34 Vias-Sacras em todas as regiões administrativas. Outros efetivos serão empregados para esses eventos. A pasta destacou que o policiamento das cidades continua normalmente nesse dia.