Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/04/13 às 18h58 - Atualizado em 13/11/18 às 14h38

Sexta do Repente agita público na Casa do Cantador

COMPARTILHAR

Um público entusiasmado caía na gargalhada quando os repentistas improvisavam versos sobre vários temas. Um, em especial, agradou à maioria: o casamento.
Formada basicamente por nordestinos, a plateia – masculina e feminina –, travava uma espécie de demanda. Os gritos e as vaias variavam de acordo com os versos. Se eram favoráveis à mulher, aplausos femininos. Se beneficiavam os homens, vibração masculina.
Foi assim por mais de duas horas. Tempo em que a dupla de repentistas convidados: Louro Branco, do Ceará; e Valdir Teles, de Pernambuco, animaram a plateia de admiradores do repente. Além deles, também se apresentaram os cantadores do DF: Chico de Assis, João Santana e João Neto.
A Sexta do Repente é um programa da Secretaria de Cultura do Distrito Federal realizado sempre na última sexta-feira de cada mês com apresentações de repentistas locais e convidados.
O palco dos encontros é a Casa do Cantador, considerada o Palácio da Poesia e da Literatura de Cordel no Distrito Federal. Foi inaugurada em nove de novembro de 1986 e está localizada em Ceilândia – cidade que concentra um grande número de imigrantes da Região Nordeste.
O local é um espaço de apresentações de grandes nomes da cultura nordestina. Além dos cantores de repente e embolada; tem eventos como a exposição de culinária nordestina, (a cozinha do local recebeu o nome de Maria Bonita); oficina de música e trabalhos de inclusão digital. Conta também com a biblioteca batizada de Patativa do Assaré, na qual é possível encontrar um grande acervo de cordéis, entre eles exemplares de Jorge Amado e Ariano Suassuna.
Casa do Cantador
QNN 32, área especial, Ceilândia Sul
Contatos: (61)3378-5067 / 3378-4891
Horário de Visitação: De segunda a sexta, das 9h às 18h (nos dias de eventos noturnos, abre conforme horário da programação).