Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/07/12 às 13h35 - Atualizado em 13/11/18 às 14h37

Sarau destaca a poesia brasiliense traduzida para o espanhol

COMPARTILHAR

 

 

Jorge Amncio e Marcos Freitas abrindo o Poemao popup

O Sarau Videoliteromusical Poemação homenageia na próxima terça-feira, 3, a partir das 18 horas, quatro poetas brasilienses que tiveram suas obras traduzidas para o espanhol. A poesia de Viriato Gaspar, Anderson Braga Horta,Ronaldo Costa Fernandes eOleg Almeida estará presente no auditório da Biblioteca Nacional de Brasília (BNB) nesta 26ª edição do sarau. O evento, aberto ao público, é coordenado pelos poetas Marcos Freitas e Jorge Amâncio.

As poesias dos quatro poetas foram traduzidas para o espanhol pelos tradutores Carlos Saiz Alvarez e Paulo Sérgio Ramos Cezar dentro do projeto Aprender a ler e traduzir poesia, da Universidade de Brasília (UnB), coordenado pela professora Alicia Silvestre Miralles.

Anderson Braga Horta, mineiro de Carangola, é colecionador de vários prêmios literários, destacando-se o Jean Cocteau (1957), o Machado de Assis (1966) e o Jabuti (2001). Seu livro Soneto Antigo (Thesaurus, 2009) foi um dos finalistas do Jabuti 2010 na categoria poesia. O maranhense Viriato Gaspar, radicado em Brasília desde 1978, é autor de Manhã Portátil, (1984); Onipresença (1986); A Lâmina do Grito eSáfara Safra, todos pela Gráfica SIOGE.

Ronaldo Costa Fernandes ganhou, entre outros, os prêmios de Revelação de Autor da APCA Casa de las Américas e o Guimarães Rosa. Em 2009, com a obra A máquina das mãos, publicado pela 7Letras, ganhou o Prêmio de Poesia 2010, da Academia Brasileira de Letras. O quarto homenageado é Oleg Almeida, considerado “poeta de dois mundos” (Marco Lucchesi). Nascido na Bielorrússia, uma das repúblicas ocidentais da então União Soviética, veio para o Brasil com 34 anos de idade e adotou o português como língua de criação literária.

O Poemação traz como convidado o poeta piauiense Marcos Freitas que vai lançar durante o evento o e-book Na tarde que se avizinha e outros poemas. Freitas é engenheiro civil, poeta, contista, letrista e autor do livro Inquietudes de Horas y Flores (2011), edição bilíngue (português-espanhol) de poemas selecionados entre outros, traduzidos ao espanhol por Carlos Saiz, com apoio do Fundo de Apoio à Cultura do DF (FAC). O Sarau contará ainda com a presença do músico/poeta/antropólogo Markim Garcia, além do cantor e compositor Francisco Romeiro. Ao final a plateia mostra o talento em Poesia na Plateia e sorteio de livros.

SARAU VIDEOLITEROMUSICAL – Homenagem à poesia brasiliense traduzida para o espanhol de Anderson Braga Horta, Viriato Gaspar, Ronaldo Costa Fernandes e Oleg Almeida, com participações de Marcos Freitas, Markim Garcia e Francisco Romeiro. Dia 3, terça-feira, às 18 horas, no auditório da BNB. Coordenação e informações: Marcos Freitas (8129-7116) e Jorge Amâncio (8167-4450). Entrada franca. Aberto ao público.

Com informações da Biblioteca Nacional de Brasília.