Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/11/18 às 17h04 - Atualizado em 3/12/18 às 15h27

Orquestra Sinfônica encerra temporada 2018 com Carmina Burana

Famosa cantata cênica será executada em três apresentações no Colégio Militar de Brasília, com a presença do Coro Sinfônico Comunitário da UnB e três solistas líricos

 

 

Um ano de muito trabalho, novos projetos e conquistas a celebrar. A Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro encerra a temporada de 2018 com uma programação bem especial, que terá como ponto alto a famosa cantata Carmina Burana, de Carl Orff. Ao todo, a Orquestra Sinfônica realizará seis apresentações em dezembro, com regência do maestro Claudio Cohen e repertório bem diversificado, entre clássicos eruditos, canções natalinas e músicas caipiras.

 

Acesse aqui a programação completa de dezembro

 

 

Ricardo Calderoni e Gustav Mahler foram os compositores escolhidos para o Concerto da Paz, dia 4, às 20h30, no Teatro Levino de Alcântara, da Escola de Música de Brasília. Nesta apresentação, os músicos da Orquestra Claudio Santoro serão acompanhados da soprano francesa Laetitia Grimaldi. O público acompanhará a execução das músicas Corpo de Criança, de Calderoni, e a Sinfonia nº 4, de Mahler.

 

 

Essa é a primeira vez que a música Corpo de Criança será apresentada para o grande público. A obra do compositor Ricardo Calderoni foi inspirada em poema do advogado Luis Carlos Alcorofado que retrata uma das cenas mais simbólicas das consequências devastadoras das guerras na vida de crianças inocentes. A foto do corpo do menino Aylan Kurdi, de apenas três anos, deitado de bruços, em uma praia na cidade de Bodrum, Turquia, circulou o mundo pela internet e foi reproduzida como manchete de vários jornais. Ela simboliza o desfecho triste da tentativa de Aylan e um grupo de famílias sírias que haviam saído da cidade de Kôbane para tentar se proteger dos horrores promovidos pelo terrorismo, a bordo de uma embarcação que naufragou no dia 2 de setembro de 2015. 

 

A segunda apresentação, dia 11/12 (terça-feira), às 20h, Teatro dos Bancários (314/315 sul), será uma homenagem aos 40 anos de carreira da dupla caipira Zé Mulato e Cassiano. “Meu céu”, “O homem e a espingarda”, “Poesia não se Vende” e outras composições autorais, que marcam a trajetória de sucesso dos cantores sertanejos, serão interpretadas pela dupla, com acompanhamento dos músicos da Orquestra Sinfônica.

 

Carmina Burana – Em apresentações grandiosas no Colégio Militar de Brasília, dias 17, 18 e 19 de dezembro, às 20h, Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional vai tocar a mundialmente conhecida cantata Carmina Burana. Nos três concertos, os músicos da orquestra serão acompanhados por 190 vozes de cantores do Coro Sinfônico Comunitário da Universidade de Brasília, do Coro Madrigal-UnB e do Coro Ad Infinitum, além dos solistas líricos Aníbal Mancinni (tenor), Raissa Amaral (soprano) e Michel de Souza (barítono). Em alguns movimentos da cantata, o Coro Infantojuvenil Comunitário da UnB vai se somar ao espetáculo, com suas delicadas vozes de crianças e adolescentes entre 7 e 14 anos.

 

Escrita em 1935 e estreada em junho de 1937 em Frankfurt, Carmina Burana é a composição mais famosa do alemão Carl Orff (1895-1982). A obra se popularizou tanto que se tornou uma espécie de hit de sucesso da música clássica, tendo alguns de seus trechos reproduzidos por bandas de rock, trilhas sonoras de filmes, comerciais e até jogos eletrônicos.

 

Com uma estrutura de quase ópera, Carmina Burana foi escrita a partir de manuscritos medievais encontrados no convento de Benediktbeuern, na Bavária alemã. Segundo apontam os estudiosos da música clássica, os 24 poemas escolhidos por Orff eram espécies de cantos profanos escritos por monges errantes e desiludidos com as corrupções do clero. As narrativas abordam temas como amor, sexo, bebida e dança.

 

Concerto de Natal – No clima das festas de fim de ano, a Orquestra do Teatro Nacional se despede do público do Distrito Federal, dia 20/12, às 20h, no Teatro dos Bancários (314/315 sul). O Concerto de Natal terá repertório composto por obras de Ludwig van Beethoven (Sinfonia nº 5), Piotr Ilitch Tchaikovsky (Suíte Quebra Nozes) e Leroy Leroy Andersen (Passeio de Treno e Christmas Festival).

 

 

Leia mais:
Orquestra do Teatro Nacional leva música de excelência a 60 mil pessoas