Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/10/16 às 13h18 - Atualizado em 13/11/18 às 14h50

Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional: programação para outubro de 2016

COMPARTILHAR

A série de concertos da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro em outubro começou no sábado (1º). Os músicos se apresentaram no Jardim Botânico de Brasília como parte da programação do Green Move Festival, evento que une música e ações de sustentabilidade e que ocorrerá em pontos diversos da cidade até 8 de outubro. No show deste fim de semana, a sinfônica executa clássicos do cinema, com a mistura de trilhas de filmes como Star Wars, Superman e Piratas do Caribe e músicas eruditas usadas em produções audiovisuais como Bolero, de Maurice Ravel, e a Aquarela do Brasil, de Ary Barroso. A apresentação será às 17 horas, e o ingresso que dá acesso ao parque custa R$ 5 — menores de 12 anos, pessoas acima de 60 anos e pessoas com deficiência não pagam.

Na terça-feira (4), os músicos sobem ao palco do Centro Cultural da Associação dos Docentes da Universidade de Brasília (Campus Universitário Darcy Ribeiro, Via L3, Asa Norte), às 20 horas. O grupo executa a abertura da obra Margariteña, do compositor venezuelano Inocente Carreño, sob a regência de outro representante daquele país, o maestro Alejandro Orellana. A apresentação terá ainda a participação do Quarteto Auner, grupo austríaco convidado que fará o Concerto para Quarteto de Cordas e Orquestra, de Louis Spohr. Encerra a série da noite a Sinfonia nº 1, do tcheco Gustav Mahler.

Em mais uma apresentação para o Green Move Festival, a orquestra faz concerto gratuito no palco do Museu Nacional da República (Eixo Monumental) no sábado (8), às 15 horas. O programa mistura trilhas de cinema, um clássico erudito de Mozart e composições dos brasileiros Ney Rosauro, Fernando Morais, Claudio Santoro e César Guerra-Peixe.

Concerto Coreano

Em 11 de outubro, às 20 horas, o grupo realiza o Concerto Coreano, com participação do pianista Kun-Woo Paik, que veio da Coreia do Sul para se apresentar como solista com os músicos brasileiros. Sob a regência do maestro Claudio Cohen, a orquestra executa a abertura da ópera alemã Tannhäuser, de Richard Wagner; o Concerto para Piano e Orquestra em Sol Maior, de Maurice Ravel; e o Concerto para Piano nº 3, de Beethoven. A apresentação gratuita será no Teatro Pedro Calmon (Setor Militar Urbano), com acesso livre.

No dia 18, o multipercussionista Ney Rosauro, que participa de shows com a orquestra desde agosto, rege a sinfônica em concerto gratuito no Cine Brasília (106/107 Sul), às 20 horas. No programa, o Panorama Percussivo de Ney Rosauro, série de quatro peças escritas pelo percussionista brasileiro radicado nos Estados Unidos.

Novamente no Cine Brasília, em 25 de outubro, às 20 horas, a orquestra apresenta o Concerto Internacional, com regência do maestro sueco Ilya Stupel. O músico será responsável pelo grupo que tocará a suíte de Luta e Vida, do brasileiro Ricardo Calderoni, seguida de Danças de Galanta, do húgaro Zoltán Kodály e da Sinfonia nº 5, de Beethoven.

Encerra a programação do mês, em 26 de outubro, o Concerto do Servidor Público, com trilhas eruditas e de cinema. A apresentação fechada para convidados ocorrerá às 17 horas, no Palácio do Buriti.

Fonte: Agência Brasília

programacao orquestrra sinfonica outubro 2016 Agencia Brasilia-1