Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/12/20 às 17h13 - Atualizado em 30/12/20 às 19h33

Nota de Pesar/Maria Duarte

COMPARTILHAR

Ascom/Secec

30.12.20

17:16:00

 

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal lamenta a morte da gestora, arte-educadora e escritora Maria de Souza Duarte, que teve papel fundamental para a profissionalização da cultura brasiliense nos anos 1970, quando coordenou o Sesc e criou o Teatro Garagem, palco do surgimento de nomes expressivos da música, da dança e do teatro de Brasília.

 

Carioca e assistente social, que chegou na capital, em 1974, Maria Duarte ainda ajudou a cartografar esse período rico da cultura do DF em livros, a exemplo de “A Educação pela Arte – O Caso Garagem”.

 

Maria Duarte foi secretária de Cultura entre 1995 e 1996, na gestão de Cristóvão Buarque. Foi uma das idealizadoras do Festival Latino-Americano de Arte e Cultura, o Flaac, na UnB.

 

“Maria Duarte é um dos nomes essenciais para o amadurecimento da cultura no DF, quando criou um teatro e abriu as portas para a diversidade de experiências, marca da cultura de Brasília. Em sua generosidade, deixou, para as próximas gerações, os seus preciosos registros de memória”, observa o secretário Bartolomeu Rodrigues.

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF

Leia também...