Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/04/16 às 12h29 - Atualizado em 13/11/18 às 14h50

MPI abre exposição Armadilhas Indígenas

COMPARTILHAR

Mostra celebra o Dia do Índio e integra comemoração do aniversário de Brasília

A Secretaria de Cultura do Distrito Federal e o Memorial dos Povos Indígenas realizam nesta terça-feira (19/4), às 20h, em comemoração ao dia do Índio, a exposição Armadilhas Indígenas.

A mostra reúne obras de artistas como Ailton Krenak, André Vallias, André Santângelo, Ernesto Neto, Elyezer Szturm, Daiara Tukano, Flávia Carvalhinho, Glênio Lima, Luiz Gallina, Marcos Bentes e Rômulo Andrade; além de vídeos realizados nas aldeias.

A exposição Armadilhas Indígenas, de acordo com o curador Bené Fonteles, “é testemunha de estórias que se desdobraram desde a década de 1980 e já fazem parte da história da nação brasileira pelas conquistas de cidadania e para o êxito da Constituinte de 1988.”

O curador destaca ainda que “o que queremos com esta mostra é, acima de tudo, fisgar e pegar 'brancos' desavisados, retomar a história inicial do Memorial dos Povos Indígenas, que muito antes de sua entrega à intenção original, foi tentado um sequestro para que fosse o Museu de Arte Moderna de Brasília.”

Durante a abertura da exposição, haverá apresentação do grupo aborígine australiano “Descendance”, que descende de emigrantes africanos que povoaram a Ásia e há 60 mil anos cruzaram o mar, utilizando canoas e toscas embarcações.

A exposição “Armadilhas Indígenas” fica aberta ao público até 30 de junho de 2016, de Terça a sexta, das 9h às 17h.

SERVIÇO:

Abertura da exposição “Armadilhas Indígenas”

Local: Memorial dos Povos Indígenas

Dia: 19 de abril de 2016

Hora: 20h