Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
29/12/19 às 10h55 - Atualizado em 29/12/19 às 10h55

I’ll Be There: Musical em homenagem a Michael Jackson lota Complexo Cultural de Planaltina

COMPARTILHAR

Coletivo de artistas revive grandes clássicos do cantor

 

Expectativa e curiosidade dominavam os mais de 340 espectadores que chegaram, no início da noite de sábado (28), ao Complexo Cultural de Planaltina para assistirem ao espetáculo musical I’ll Be There”, em homenagem ao cantor Michael Jackson. Com uma performance completa de musica, dança e teatro, o público cantou e se emocionou com os grandes sucessos do Rei do Pop.

 

Com apoio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec), o show que lembra os dez anos da morte do cantor e compositor norte-americano, teve recorde de público para o Complexo Cultural de Planaltina. A iniciativa também arrecadou alimentos não perecíveis e troca do ingresso para o musical. A expectativa é que nos dois dias o evento receba 680 pessoas.

 

A apresentação entoou alguns clássicos, com direito ao coro da plateia. “Black or White, Billie Jean, Thriller, Smooth Criminal, entre outros sucessos foram representados pelo coletivo de músicos e corpo de bailarinos.

O produtor cultural e maestro Rênio Quintas, um dos organizadores do espetáculo, conta que o show é dedicado à memória viva que o cantor desperta nas pessoas e no seu legado como um dos precursores da música pop no mundo. Quintas destacou a importância de lotar uma casa como o Complexo Cultural de Planaltina. “Me emocionei pela receptividade que o público teve com o nosso projeto. Trabalhamos para emocionar as pessoas através da cultura e da música”, explicou.

 

Presente durante o espetáculo musical, o titular da Secec, Bartolomeu Rodrigues declarou estar contagiado pelas lembranças que as músicas trouxeram. Ele também indicou o esforço do Governo do Distrito Federal para promover grandes ações fora do eixo central do Plano Piloto. “É impressionante ver a quantidade de público emocionado e a interação dos artistas neste espetáculo de altíssimo nível. O Distrito Federal é uma capital cultural e o Complexo Cultural de Planaltina pode contar com toda a atenção da Secec para promover mais eventos desta magnitude”.