Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
19/04/14 às 21h19 - Atualizado em 13/11/18 às 14h45

II Bienal Brasil do Livro e da Leitura atrai pessoas de todo o País

COMPARTILHAR


Mais de 100 mil pessoas já conferiram as atrações do evento

“As duas guerras de Vlado”, de Audálio Dantas, foi um dos lançamentos deste sábado (19) na II Bienal do Livro e da Leitura. Cerca de 100 mil pessoas, do DF e de outros estados, já marcaram presença no evento.

O público tem ao seu dispor atrações diversificadas, como palestras, debates, mostra de filmes e shows na estrutura montada na Esplanada dos Ministérios. Neste ano, a temática são os 50 anos do golpe militar de 1964.

“É uma realização de maior importância e pode ser o principal evento literário no Brasil no futuro próximo, tomara que seja”, disse Dantas ao final da palestra sobre seu livro, que trata das relações da imprensa com a ditadura militar.

A jornalista Míriam Gomes Alves de Lima, de 28 anos, mora em São João do Piauí e se mostrou bastante empolgada com a Bienal: “Um evento como esse a gente tem que aproveitar bastante, dá vontade de participar de tudo”, afirmou.

Ela estava acompanhada de sua irmã Paula Gomes Alves de Lima, 26 anos. Para a médica, que reside na cidade, o evento consegue reunir uma diversidade grande de assuntos e isso atrai os jovens e as famílias. “O entretenimento raso é muito disseminado, então um evento como esse, que aprofunda temas importantes, representa um crescimento para os participantes”, declarou.

Quem também estava satisfeita era Letícia Alves Amorim, 16 anos, que foi à Bienal com a mãe: “Estou achando interessante porque há uma quantidade de livros que não se encontra em um só lugar”. A estudante faz parte da maioria do público que visita a estrutura, que é formado principalmente por alunos de escolas públicas e privadas. O evento segue até esta segunda-feira (21).