Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
12/05/14 às 12h52 - Atualizado em 13/11/18 às 14h45

Igreja São Geraldo, patrimônio cultural do DF, é reinaugurada

COMPARTILHAR


Templo foi, por 34 anos, o único da região administrativa

Um dos principais símbolos de fé do Paranoá, a Igreja São Geraldo, construída em 1957, foi reinaugurada neste sábado (10). O templo, erguido pelos operários que construíram a capital, recebeu investimento de R$ 282 mil, o que possibilitou a preservação desse monumento, que é patrimônio histórico desde 1993.

“Essa é a segunda igreja mais antiga do DF e a única do Paranoá durante 34 anos. Esse governo tem profundo respeito pela nossa história e nosso patrimônio e, por isso, estamos muito felizes hoje”, ressaltou o governador Agnelo Queiroz, acompanhado do vice-governador, Tadeu Filippelli, na cerimônia de inauguração.

O templo, localizado no Parque Vivencial do Paranoá, ficou fechado por quase uma década, segundo a Secretaria de Cultura. O local tem 198,45m² e, devido ao avançado estado de degradação, precisou ser demolido em 2005.

Nesse processo de restauração, foram erguidas novas paredes e instalados piso, estrutura elétrica e um sistema de combate a incêndio. Mesmo com essas benfeitorias, todo o projeto de reconstrução observou rigorosamente os parâmetros da edificação, de forma a preservar o patrimônio.

“Com a devolução da igreja, o GDF cumpre mais uma etapa de recuperação do patrimônio cultural do DF. A recuperação dessa igreja e a abertura como espaço de cultura é uma forma de lembrar a parte histórica da construção de Brasília”, disse o secretário de Cultura, Hamilton Pereira, em visita ao local.

Para o morador João Gomes, conhecido como João do Violão, poder presenciar essa nova fase do templo religioso é uma realização. Pai de quatro filhas, todas batizadas nesse espaço, ele disse estar muito feliz com a entrega da obra.

“Nesta igreja eu fui o primeiro coroinha, músico e catequista. Minha história está totalmente ligada à história dela. Aqui, batizei minhas filhas e, agora, depois de ver tudo isso renovado, já posso descansar. Isso é uma vitória para Brasília”, concluiu Gomes.