Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
14/03/18 às 14h25 - Atualizado em 13/11/18 às 15h31

Fórum Mundial da Água será abastecido de atividades culturais

COMPARTILHAR

Com ênfase no caráter educativo e de consciência ambiental do 8º Fórum Mundial da Água, o governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, anunciou na manhã desta quarta (14) a programação completa do megaevento, a ser realizado de 18 a 23 de março, em Brasília. As atividades culturais ocuparão um espaço de grande importância, incluindo ações espalhadas por dez regiões administrativas, que já começaram desde o dia 7 de março e se estendem ao longo do evento principal e do Fórum Alternativo Mundial da Água.

 

“Queremos sensibilizar a população do DF para o tema da preservação da água, com foco no público infanto-juvenil. A arte desempenha um papel transformador neste processo. Por isso se faz tão necessário investir em uma programação cultural”, disse o secretário de Cultura, Guilherme Reis.

 

As atividades culturais englobam oficinas de criação artística com material reciclado e sucata, exposição, mostras de filmes no Cine Brasília e nas escolas públicas, espetáculos de cênico-circenses, contação de histórias e shows musicais. Os eventos estarão espalhados pelo Plano Piloto, Sudoeste, Gama, Santa Maria, Ceilândia, Taguatinga, Brazlândia, Recanto das Emas, Sobradinho, Planaltina e no espaço da Vila Cidadã, estrutura montada ao lado do Estádio Nacional Mané Guarrincha.

 

Neste domingo, a programação cultural se concentra no Parque Asa Delta, com o ritual de dança Mãe D’água e apresentações gratuitas da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro, banda Muntchako e a pré-estreia nacional do espetáculo de lançamento do novo disco do músico paulista André Abujamra, que envolve artistas de várias regiões do mundo em torno de um tema central: a água.

 

Em parceria com a Cia. Voar Teatro de Bonecos, organização da sociedade civil selecionada por meio do edital Capital Cultural para desenvolver atividades ligadas ao fórum e ao Aniversário de Brasília (em abril), a Secretaria de Cultura promoveu três oficinas de reciclagem com papel molda e outros três workshops de percussão com instrumentos feitos de sucata durante esta semana.

 

Além disso, estão programadas apresentações na Vila Cidadã do mímico Miqueias Paz, dos grupos Lumiato, Titeritar, Artetude e Voar; e shows de Beirão, Pé de Cerrado, Ciclone na Muringa e do compositor, cantor e poeta Jorge Mautner.

Para a garotada, no dia 21 de março, o livro infanto-juvenil Além do Rio, de Ziraldo, ganha uma leitura coletiva diferenciada. A obra será projetada por meio de videomapping na cúpula do Museu Nacional, às 20h. O acesso é livre.

 

No Cine Brasília, as atividades serão intensas a partir de sexta, com a exposição fotográfica Hydro, que reúne 27 imagens registradas em 17 países sobre o uso sustentável dos recursos hídricos. A partir do dia 18, com entrada franca, a maior sala de cinema da cidade recebe o Green Film Festival. A mostra conta com 13 longas e 25 curtas-metragens de diversas nacionalidades, todos com temáticas de sensibilização acerca da água.

 

De quarta a sexta, alunos do Ensino Médio da rede pública também terão acesso a uma mostra de filmes sobre o uso consciente da água, no Recanto das Emas e em Santa Maria.

 

Sobre o Fórum

 

Criado em 1996, o Fórum Mundial da Água ocorre a cada três anos e é sediado pela primeira vez no Hemisfério Sul. Com mais de 12 mil pessoas inscritas e 10 chefes de Estado confirmados até o momento, o fórum foi idealizado para estabelecer compromissos políticos acerca dos recursos hídricos e se utilizará de diversas ferramentas para sensibilizar a população sobre a preservação do meio ambiente.

 

Para o governador Rodrigo Rollemberg Brasília tem sido um exemplo de engajamento neste processo de rodízio do fornecimento de água que tem ajudado a recuperar a capacidade dos reservatórios do Distrito Federal.  “Temos a possibilidade de ainda neste ano suspender o racionamento definitivamente, como resultado do nosso combate à crise hídrica”, ressaltou.

 

O secretário-adjunto de Turismo, Jaime Recena anunciou a expectativa de receber na cidade mais de 15 mil pessoas de outros estados e países, com um impacto na rede hoteleira superior a 80% de ocupação durante a semana e 70% nos finais de semana. Quatro Centros de Atendimento ao Turista (CATs) atenderão a demanda do evento no Aeroporto, na Praça dos Três Poderes e dentro da própria estrutura do Fórum.

 

Estiveram presentes na coletiva ainda o diretor-presidente da Adasa, Paulo Salles; e os secretários de Meio Ambiente, Igor Tokarski; Educação, Júlio Gregório; Agricultura, Argileu Martins; e Turismo, Jaime Recena.

 

Fama

 

Também apoiado pelo GDF, acontece no mesmo período o Fórum Alternativo Mundial da Água, onde o tema será debatido sob outra perspectiva. Neste, organizações e movimentos sociais que lutam em defesa da água como direito elementar à vida discutirão temas centrais de defesa pública e controle social das fontes de água como: o acesso democrático à água, a luta contra as privatizações dos mananciais, as barragens e em defesa dos povos atingidos, serviços públicos de água e saneamento e políticas públicas necessárias para o controle social do uso da água e preservação ambiental.

 

PROGRAMAÇÃO CULTURAL 8º FÓRUM MUNDIAL DA ÁGUA

 

VILA CIDADÃ

 

17 de março


14h
Iara o Encanto das Águas – Teatro de Sombras – Cia de Lumiato
Local: Arena das Águas, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)
Público: livre

 

16h
Cia. Titeritar Mágicas Aquáticas
Local: Espaço Criança, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)
Público: livre

 

17h30
Mimicando – Miqueias Paz DF
Local: Coreto, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)
Público: livre

 

18 de março

 

16h
A incrível viagem de Pingo – Voar Teatro de Bonecos
Local: Espaço Criança, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)
Público: livre

 

18h Circo Artetute DF – espetáculo de palhaços
Local: Arena das Águas, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)
Público: livre

 

20h
Show Banda Ciclone na Muringa
Local: Arena das Águas, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)

 

20 de março

11h

Sumaya Dounis – Contação de Histórias
Local: Coreto, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)
Público: livre

 

21 de março

 

10h e 15h45
Mostra de filme: Extinção
Local: CEM 417 Santa Maria
Público: Estudantes ensino médio

 

20h
Show Beirão Neves
Local: Arena das Águas, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)

 

20h15
Show Marcos Farias – solos de acordeon
Local: Espaço Brasília, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)

 

22 de março (quinta-feira)

 

20h
Show Jorge Mautner – CANCELADO POR MOTIVO DE SAÚDE
Local: Arena das Águas, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)

 

20h15
Show Victor Angeleas & Eduardo Souza
Local: Espaço Brasília, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)

 

 

23 de março (sexta-feira)

 

20h
Pé de Cerrado
Local: Arena das Águas, Vila Cidadã (Estádio Nacional Mané Garrincha)

 

 

NAS RAs

 

Mostra de Curtas em Escolas

 

14 de março

11h e 13h30

Mostra de filmes: Extinção e O Enigma da Água
Local: CED 416 Santa Maria
Público: Estudantes ensino médio

 

15 de março

9h e 15h    

Mostra de filmes: Extinção e O Valor de um Copo D’água
Local: CEM 804  Recanto da Emas
Público: Estudantes ensino médio

 

16 de março

10h e 14h
Mostra de filmes: Extinção e Água Seca
Local: UNISS Recanto da Emas
Público: Estudantes ensino médio

 

Oficinas de Reciclagem Artesanal

 

15 de março

10h
Oficina de Percussucata – Faço, Separo e Transformo
Local: CEF 03 – Brazlândia
Público: Estudantes de ensino fundamental

 

16 de março

10h30
Oficina de Percussucata – Faço, Separo e Transformo
Local: CEF 08 – Sobradinho II
Público: Estudantes de ensino fundamental

 

15h
Oficina de Percussucata – Faço, Separo e Transformo
Local: CAIC – Planaltina
Público: Estudantes de ensino fundamental

 

Teatro

 

23 de março (sexta-feira)

16h
Os meninos verdes de Cora Coralina – Voar Teatro de Bonecos
Local: Parque do Bosque Sudoeste

 

CINE BRASÍLIA

 

Green Film Festival

18 a 23 de março
Local: Cine Brasília
Entrada franca

Mostra competitiva de 13 longas-metragens e 25 curtas, além de oito filmes na sessão Panorama, 10 produções infantis, e exibições em sessões especiais.

Programação e classificação indicativa dos filmes: http://filmambiente.com/festival/pt/green-film-program-no-forum-mundial-da-agua-2018/

 

Fotografia

16 a 25 de março
Exposição fotográfica “Hydro: a água, um recurso em comum”
Local: Cine Brasília (106/107 sul)

27 fotografias registradas em 17 países (Brasil, Bangladesh, Bolívia, Burkina Faso, Camboja, Palestina, Jordânia, Quênia, Madagascar, Marrocos, Níger, Uganda, República Dominicana, Senegal, Tanzània, Tunísia e Vietnã) sobre uso sustentável dos recursos hídricos.

 

MUSEU NACIONAL

 

20h
Vídeo Mapping do filme “Além do Rio”, inspirado no livro do Ziraldo
Local: Cúpula do Museu Nacional

 

PARQUE ASA DELTA

 

18 de março
Local: Orla do Lago Paranoá, Parque Asa Delta

 

17h – Ritual Mãe D’Água – apresentação de danças afro-brasileiras e polinésias

18h – Concerto Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional celebra os recursos hídricos

19h – Show grupo Muntchako – trio instrumental que transita por vários estilos de música eletrônica, dub, reggae e sons nordestinos

20h30 – Pré-estreia nacional do show Omindá – o Encontro das Almas do Mundo pelas Águas, com André Abujamra