Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/07/20 às 13h39 - Atualizado em 1/07/20 às 13h49

FAC Regionalizado bate recorde: mais de 1.200 inscrições

COMPARTILHAR

Para enfrentar crise, serão investidos R$ 13 milhões na economia criativa do DF

 

Com inscrições encerradas nesta terça-feira (30), o Edital FAC Regionalizado (Nº 3/2020), do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal, registrou 1.207 propostas, um recorde nessa modalidade que demonstra a disposição do setor cultural em superar as dificuldades causadas pela crise da pandemia da Covid-19.

 

“O Governo do Distrito Federal não virou as costas aos fazedores de cultura”, afirmou o Secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues. “Enquanto o FAC cumpre o objetivo para o qual foi criado, compete a nós, gestores, desenvolver as linhas de atuação de forma a atingir em especial aqueles que foram primeiramente impactados pela crise. Tudo com muito diálogo e, principalmente, transparência.”

 

O chamamento público promovido pela SECEC contemplará ao menos 195 propostas de diversos segmentos, promovendo o intercâmbio e a difusão cultural de modo descentralizado. Uma das principais novidades deste Edital é a reserva de 65 vagas para agentes culturais que não tenham acessado recursos do FAC nos últimos cinco anos.

 

O investimento total de R$ 13 milhões é o maior valor já destinado pelo FAC às ações culturais das Regiões Administrativas do Distrito Federal. O número expressivo de inscrições representou um grande salto em relação ao chamamento anterior, realizado em 2018, que obteve 510 propostas para 121 vagas.

 

Para o subsecretário de Fomento e Incentivo Cultural, João Moro, além do aumento do número de vagas para difundir a cultura em diversas regiões do DF, o maior investimento garantido para o fundo foi fator determinante para o recorde de inscrições realizadas este ano. “Esta medida, além de ampliar o alcance do FAC, certamente gera mais oportunidades aos agentes culturais que se ocupam em produzir arte e cultura fora do Plano Piloto”, explicou o subsecretário.

 

O FAC Regionalizado compõe o primeiro bloco de editais de 2020, somando-se ao investimento de R$ 4 milhões destinados aos editais FAC Apresentações On-Line e Prêmios FAC Brasília 60, lançados como parte do programa Conecta Cultura, destinado a socorrer a classe artística durante o isolamento social necessário ao combate da Covid-19.

 

O certame cumprirá, a partir deste momento, as etapas de análise técnica de mérito cultural e admissibilidade. Os resultados serão divulgados no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) e no site do FAC no prazo provável de até 90 dias.

 

Confira o número de inscrições por macrorregião:

 

Macrorregião 1.1 – Gama; Santa Maria; Park Way – 186 inscritos;

Macrorregião 1.2 – Núcleo Bandeirante, Candangolândia, Cruzeiro, Vila Telebrasília; Vila Planalto – 108 inscritos;

Macrorregião 1.3- Taguatinga; Águas Claras; Vicente Pires; Guará; Arniqueira – 324 inscritos;

Macrorregião 1.4- Recanto das Emas; Riacho Fundo I; Riacho Fundo II – 60 inscritos;

Macrorregião 1.5- Planaltina; Fercal; Sobradinho I; Sobradinho II; 147 inscritos;

Macrorregião 1.6 – Itapoã; Varjão; Paranoá; São Sebastião; Jardim Botânico- 159 inscritos;

Macrorregião 1.7 – Estrutural; Brazlândia; S.I.A. – 29 inscritos;

Macrorregião 1.8 – Samambaia; Ceilândia; Sol Nascente/Pôr do Sol – 194 inscritos;