Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/07/13 às 12h28 - Atualizado em 13/11/18 às 14h39

Exposição Brasília Utopia começa nesta quinta-feira

COMPARTILHAR

Exposição Brasília Utopia começa nesta quinta-feira

A mostra é aberta dia e noite e reúne 68 fotografias ao ar livre

“Como os brasilienses de hoje vivem sua utopia de cidade, 53 anos depois de JK, Niemeyer e Lúcio Costa?” O desafio foi lançado pela curadora Lena Tosta a alguns fotógrafos e o resultado poderá ser conferido na Praça do Conjunto Cultural da República durante todo o mês de agosto.

As imagens transcendem a cidade administrativa e setorizada e mostram um lugar reinventado a partir das experiências humanas e dos sonhos vividos na Capital Federal.

A exposição será ao ar livre, com fotos em tamanho 1×1,5 metro, montadas em estruturas de bambu na área externa do Museu Nacional. A intenção é estimular a população a apropriar-se da arte e do espaço público, além de familiarizar pessoas pouco habituadas a frequentar exposições de fotografia à arte reflexiva do olhar.

O projeto tem patrocínio da Secretaria de Cultura do DF por meio do Fundo de Apoio à Cultura (FAC) e da Secretaria de Educação do DF.

Visitas guiadas

Haverá mediadores capacitados para guiar o público em geral, com o propósito de aguçar a curiosidade para as diversas possibilidades de leitura das fotografias. A comunidade surda do DF será beneficiada com visitas guiadas em libras pela especialista em artes visuais para surdos, Maria Conchita Fernandez.

Responsabilidade socioambiental

A exposição Brasília Utopia gera pouquíssimo impacto ambiental. Os suportes das fotografias foram produzidos artesanalmente na região com bambu, material resistente, sustentável e leve para transportar. Além disso, a exposição montada ao ar livre dispensa iluminação artificial durante o dia.

Currículos dos fotógrafos

Arthur Monteiro é fotojornalista e fotodocumentarista, profissional premiado e atuante há quase 15 anos. Já expôs e documentou além do Brasil, no México, Guatemala, França, Coréia do Sul, China, Tibete, Laos, Nepal e Índia.

Isabela Lyrio é fotojornalista independente há 12 anos. Participou de 23 exposições no Brasil, China e Coréia do Sul e fez trabalhos documentais em países da Ásia e América Latina.

João Paulo Barbosa é historiador da UnB e fotógrafo profissional. Foi premiado pela National Geographic em 2012. Publicou seis livros e realizou 66 exposições em 12 países.

Olivier Boëls é um dos fundadores do coletivo Etnofoco, especializado em fotografia sócio-cultural. É detentor do prestigiado World Press Photo, além de outros prêmios nacionais e finalista, por duas vezes, do Smithsonian Photo Contest. Publicou em várias

revistas e jornais, e produziu 32 exposições no Brasil e exterior.

Serviço

Brasília Utopia – exposição fotográfica de Arthur Monteiro, Isabela Lyrio, João

Paulo Barbosa e Olivier Boëls com curadoria de Lena Tosta

Abertura ao público: Quinta-feira, 1 de agosto, às 19 horas.

Visitação: De 2 de agosto a 8 de setembro, 24 horas por dia.

Local: Área externa do Museu da República

Visitas guiadas: Todos os dias, das 8h às 12h e das 14h às 18h, durante o período da exposição.

Visitas guiadas em libras para surdos: Todos os dias, a partir de 13 de agosto até o final da exposição.

Para agendamento de grupos: brasiliautopia@gmail.com

Para mais informações: Letícia Verdi (assessora de imprensa): (61) 8628.7879

Nísia Sacco (produtora): (61) 8180.4044 / 9122.0520

Blog: http://projetobrasiliautopia.blogspot.com.br

Facebook: https://www.facebook.com/BrasiliaUtopia?fref=ts