Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
7/11/19 às 17h51 - Atualizado em 7/11/19 às 17h51

Empreendedorismo para mulheres negras movimenta agenda cultural da Secec

COMPARTILHAR

Os equipamentos culturais da Secretaria de Cultura e Economia Criativa têm extensa programação para o fim de semana. O Complexo Cultural de Planaltina abre as celebrações do Dia da Consciência Negra com um evento gratuito de empreendedorismo para mulheres negras no sábado, a partir das 9h. A programação conta com palestras, oficina de tranças além de apresentações de música e dança.

 

A Casa do Cantador, que celebra 33 anos, promove na sexta-feira (08) oficina de xilogravura para crianças. Outros espaços têm espetáculos de circo, dança, contação de histórias e oficinas.

 

Confira a seguir a programação de 08 a 10/11:

 

 

Centro de Dança

O Centro de Dança segue com aulas regulares.

 

Dança Contemporânea. Aulas indicadas para bailarinos em formação e profissionais da dança. Sexta-feira (08), de 18h30 às 20h. R$260 a mensalidade. Classificação indicativa 18 anos.

 

Dança Afro-Contemporânea. O projeto tem como objetivo gerar multiplicadores em Dança e Cultura Negra no DF. Sábado (09), a partir das 14h. Entrada franca. Classificação indicativa 18 anos.

 

Ainda no sábado (09), seguem as aulas avançadas da turma de Jazz conduzidas pela coreógrafa Nívia Emmrich. R$ 100 a mensalidade. Classificação indicativa 16 anos.

 

 

Casa do Cantador
Como parte do aniversário da Casa do Cantador, será realizada oficina de xilogravura para crianças. Será na sexta-feira (08) às 14h. Apenas 20 vagas por ordem de chegada. Entrada franca, classificação livre.

 

Biblioteca Nacional de Brasília

A Biblioteca Nacional de Brasília inicia neste sábado (09) uma série de ações realizadas em parceria com o Sindicato dos Escritores do Distrito Federal. As atividades serão realizadas no primeiro sábado de cada mês.
A edição de abertura terá como tema o Halloween e terá programação para os públicos adulto e infantil.

Contação de histórias com Nando Alves e Pedro Ivo – Espaço Infantil, 10h. Entrada franca, classificação livre.

Encontro de escritores de suspense, mistério e terror do DF: A Bruxa está à solta! Com a participação dos escritores Maria Montillarez, Roberto Klotz e Marcelo Araújo – Auditório (2º andar), 10h. Entrada franca, classificação livre.

 

Na noite de sábado, a BNB também recebe o Forró da Biblioteca, com Dj Bruninho Faiscada, Pedregulho, Trio Cajuína e convidados. A partir das 20h.  Entrada franca, classificação livre.

 

Encerrando o fim de semana, tem o projeto BNB Yoga, com o instrutor Jay Krsna. O aulão é realizado no pilotis da Biblioteca, que fica no Conjunto Cultural da República, e para participar, basta levar seu tapetinho. A partir das 9h. Entrada franca, classificação livre.

 

Memorial dos Povos Indígenas
Exposição – “Menire Bê Kayapó Djàpêj”

O Memorial dos Povos Indígenas mantém até 31 de dezembro a exposição “Menire Bê Kayapó Djàpêj” (A mulher Kayapó e seu trabalho). Ela reúne rico acervo fotográfico distribuído em painéis temáticos e didáticos e composto também de elementos da natureza, como sementes, ervas, remédios e vistoso artesanato a venda. Entrada franca, classificação livre.

 

Exposição – Electro-Chamanismos -01 a 08/11
O artista mexicano residente em Brasília Biophillick (Javier Loeza) vai expor seu trabalho entre 1º e 8 de novembro no Memorial dos Povos Indígenas (MPI). Trata-se da mostra “Electro-Chamanismos”, que reúne peças de multimídia (videoarte, pintura, desenho, fotografia e arte-instalação). A exposição busca reproduzir, numa atmosfera contemporânea, resgates da ancestralidade do México e da cosmogonia das culturas mesoamericanas – Maias, Astecas, Toltecas, Olmecas. Traz também pinturas em acrílico que retratam a visão de Biophillick da vida dos indígenas da aldeia Kariri-Xocó, dos quais é próximo, na aldeia no Sudoeste de Brasília.

 

Museu Vivo da Memória Candanga
O Museu Vivo da Memória Candanga continua com a programação fixa com cursos de costura, gravura, cerâmica, papel e da técnica pinhole. O local ainda abriga e exposição permanente “Poeira, Lona e Concreto”, e a Casa Verde recebe temporariamente a mostra Seu Pedro. Confira os dias e horários das oficinas:

Oficina da Costura – Katy Ateliê – funcionamento de segunda a sexta-feira com turmas de 9h às 12h e 14h às 17h, sábado de 9h às 12h – Formando turmas em todos os horários. Oficina da Gravura – quarta e sexta-feira – 9h às 12h e 14h às 17h. Oficina de Cerâmica – quintas-feiras – 9h às 12h e 14h às 17h. Oficina do Papel – Fundação Pedro Jorge – Quarta-feira de 14h às 17h. Oficina de Pinhole – segunda, terça e quarta das 14h às 17h.

 

Complexo Cultural Samambaia

O Complexo Cultural Samambaia recebe nesta sexta-feira, 08 de novembro o IV Chá Literário do Colégio Século XXI que vai celebrar a cultura negra e indígena através da música, poesia, dança e artesanato. A partir das 20h no Cine Teatro Verônica Moreno. Entrada franca, classificação indicativa livre.

 

Exposição – Arte Sem Fronteiras

O Complexo Cultural Samambaia recebe a mostra Arte sem Fronteiras: Dos Muros para Galeria acontece desde 2011, com curadoria de Gersion de Castro de forma colaborativa e com parcerias por onde tem passado. A exposição já percorreu diferentes espaços no Plano Piloto, em outras Regiões Administrativas e fora do DF. Local: Sala de Leitura Visitação: De 04 de outubro a 10 de novembro. Entrada Gratuita. Classificação Indicativa livre.

 

Espetáculo – Frozen

No sábado, a partir das 10 horas, acontece o espetáculo de Ballet Frozen, da escola Educ+. As bailarinas juntamente com a professora de Ballet, Débora, estão preparando belas apresentações para encantar a todos. No Cine Teatro Verônica Moreno. Entrada franca, classificação indicativa livre.

 

Espetáculo – Despertar da Dança 2019

O Festival Despertar da dança tem o intuito de promover um intercâmbio cultural

entre Brasília, entorno e estados vizinhos, uma iniciativa que visa difundir a arte da

dança dentro do nosso espaço cultural em Brasília. A Proposta do Beckus Cia de dança é apresentar diversas modalidades da dança para jovens da comunidade de Samambaia em Especial as Danças urbanas, Hip Hop e o Estilo Livre. Sábado e Domingo, a partir das 20h. Entrada R$20 (inteira), R$10 (meia entrada), classificação indicativa livre.

 

 

Complexo Cultural de Planaltina

Teatro, empreendedorismo, dança e capoeira na programação do Complexo Cultural de Planaltina neste final de semana.

 

Na sexta-feira (08), a Cia Teluzes comanda o Cine Teatro com peça que explora momentos decisivos na vida dos personagens Nara, Rubens e Onofre. Eles são levados a refletir sobre suas atitudes no palco da vida. A Cia. aborda de forma envolvente diversos temas relacionados à valorização da vida e sobre como uma rede de sustentação pode ser formada para que as pessoas se sintam amparadas diante dos desafios da vida, evitem os sentimentos de autodestruição e fluam para Um Novo Amanhecer em suas vidas. A apresentação será no cine Teatro, às 20h. Entrada franca, classificação indicativa 12 anos.

 

Já no sábado, o Espaço promove uma ação de empreendedorismo para mulheres negras. Roda de palestras, curso de tranças performance e música, dando início à programação alusiva ao Dia da Consciência Negra. As atividades serão realizadas a partir das 9h no Cine Teatro, Sala Multiuso e Foyer. Entrada franca, classificação indicativa 12 anos.

 

Fechando o sábado, Batizado de Capoeira do Mestre André. No Cine Teatro, a partir das 19. Entrada franca, classificação indicativa 12 anos.

 

No domingo, o Cine Teatro recebe, a partir das 16h30, oficina de Zouk com os professores Tatiana e Wendel. Entrada franca, classificação indicativa 12 anos.

 

Espaço Cultural Renato Russo

Espetáculo – Ótimo Máximo

De sexta a domingo, o ECRR recebe o Ótimo Máximo, espetáculo circense superlativo utópicotropical, que traz o movimento como representante da rebeldia, da busca de uma utopia possível, inspirado pela obra de Ítalo Calvino, O Barão nas Árvores. A peça é resultado da Oficina-Montagem em circo, criação coletiva, do Grupo Instrumento de Ver – onde os alunos desenvolvem habilidades cênicas teóricas e práticas. Ao mesmo tempo interagem com as oficinas de Maquiagem, Cenário e Figurino. No Teatro Galpão. Sexta-feira e sábado, às 20h e no domingo, às 19h. Entrada franca, classificação indicativa livre.

 

Espetáculo – Nas Encruza

O Teatro de Bolso recebe, na sexta-feira e no sábado às 20h, o espetáculo Nas Encruza, que discute racismo, homofobia, intolerância racial e extermínio do povo negro. Inspirado no Espetáculo En(cruz)ilhada que traz ao palco o ator Leno Sacramento, dirigido por Roquildes Junior. Na encenaçãoO intérprete baiano utiliza apenas corpo e gestual para transmitir as emoções. Entrada R$ 30, classificação indicativa 14 anos.

 

Espetáculo – Adaptação

Com direção geral de Gabriel F; direção artística e Musical de Marco Michelângelo, e os atores Gabriel F. e Filipe Lacerda, a peça conta a história de personagens num momento de adaptação como meio necessário de sobrevivência. Todos estão unidos por um drama em comum: o medo de morrer, se transformar, deixar de existir.  Na Sala Multiuso sexta-feira e sábado, às 18h. Domingo, às 17h. Entrada franca, classificação indicativa 12 anos.

 

Espetáculo – Naufragé(s)

Com direção geral de Gabriel F, direção artística e Musical de Marco Michelângelo, com os atores Gabriel F. e Filipe Lacerda, a peça conta a história de um artista que usa a ficção para melhorar sua própria biografia. Por meio de um monólogo, ele decide contar a mais bela história de amor que o mundo jamais conheceu: a que ele mesmo viveu. Na Sala Multiuso sexta-feira e sábado, às 20h. Domingo, às 19h. Entrada franca, classificação indicativa 14 anos.

 

Cine Brasília
Confira a programação do Cine Brasília antes de seu fechamento para os preparativos para receber o 52º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro que acontece de 22 de novembro a 1º de dezembro.

 

Sexta, 8

16h – “A Cidade dos Piratas” (16 anos)

18h – “Cine São Paulo” (livre)

20h – “Meu Amigo Fela” (14 anos)

 

Sábado, 9

16h – “A Cidade dos Piratas” (16 anos)

18h – “Cine São Paulo” (livre)

20h – “Meu Amigo Fela” (14 anos)

 

Domingo,10

16h – “A Cidade dos Piratas” (16 anos)

18h – “Cine São Paulo” (livre)

20h – “Meu Amigo Fela” (14 anos)

 

Filmes com sessão paga a R$ 12 a inteira (somente em dinheiro)

Endereço: Asa Sul, entrequadra 106/107.