Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/02/19 às 14h39 - Atualizado em 20/02/19 às 15h40

Documentário canadense sobre a capital federal estreia em sessão única no Cine Brasília

COMPARTILHAR

Como é viver dentro da ideia do outro? A pergunta, de corte metafísico, ganha uma resposta poética no documentário “Brasília: Life After Design”, algo como “Brasília: vida depois do projeto”, do diretor canadense Bart Simpson. O filme será exibido no Cine Brasília em sessão única, em 28 de fevereiro, numa parceria entre a Secretaria de Cultura do Distrito Federal e a embaixada do Canadá.

 

Conforme a sinopse, o filme retrata a saga de personagens que tentam deixar sua marca na cidade de Niemeyer e Lúcio Costa: Sérgio, urbanista dedicado, que defende o plano da cidade, mas sabe que ele precisa se adaptar; Helize, estudando para se tornar servidora federal – sonho de tantos outros estudantes brasileiros; e Willians, um vendedor de rua, que tenta encontrar uma conexão que faça sentido em uma cidade construída para dividir.

 

Segundo o secretário de Cultura, Adão Cândido, a iniciativa é parte da proposta da administração Ibaneis para ampliar a visibilidade da cidade e divulgar a cultura do DF em outros países. “Atrair o olhar mundial para a a diversidade cultural de Brasília vai ao encontro do objetivo de alavancar a economia criativa da capital federal, atraindo investimentos”.

 

The Corporation

O diretor Bart Simpson é conhecido também como produtor do documentário “The Corporation” (2003), que traça um duro retrato do poder das corporações norte-americanas sobre a vida das pessoas, para além do estado-nação, noção em declínio no mundo contemporâneo.

 

Diretor e equipe conversam com o público depois da exibição, que contará com a presença do embaixador do Canadá, Riccardo Savone.

 

Serviço
“Brasília: Life After Design”
(Documentário • Canadá / Brasil / Reino Unido • 2017 • 88 min)
Direção de Bart Simpson
Quando: 28 de fevereiro
Onde: Cine Brasília
Horário: Coquetel às 19h, exibição às 20h
Ingresso: entrada franca