Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
9/04/13 às 20h03 - Atualizado em 13/11/18 às 14h38

Conselho de Cultura do DF manifesta apoio à Comissão Pró-MAB

COMPARTILHAR

Em reunião nesta terça-feira (09/04/2013), o pleno do Conselho de Cultura do Distrito Federal, com as informações recebidas sobre o processo de reforma do Museu de Arte de Brasília, debateu a proposta de reforma do espaço e, por unanimidade dos membros, manifestou apoio ao trabalho realizado pela Comissão Pró-MAB.
Veja a seguir a íntegra da manifestação de apoio:

O pleno do Conselho de Cultura do Distrito Federal, reunido no dia 9 de abril de 2013, recebeu informações e debateu a proposta de reforma do Museu de Arte de Brasília e,

considerando as informações fornecidas pela Comissão Pró-MAB, nomeada no Diário Oficial do dia 07 de março de 2013 pelo Secretário de Cultura do DF, Hamilton Pereira, presidida por Wagner Barja, da Chefia do Sistema de Museus, e constituída pelos arquitetos Jonas Calouro, Paulo Fonseca, José Leme Galvão e Graco Melo Franco, com o objetivo de apresentar um projeto básico de reforma do Museu da Arte de Brasília,

considerando o estágio em que se encontra o trabalho da Comissão, que desde sua constituição realizou seis reuniões com a comunidade dos artistas da cidade e recolheu e processou as opiniões sobre a reforma e seus desdobramentos,

considerando que o MAB está fechado há sete anos por imposição de uma ação judicial impetrada pelo Ministério Público,

considerando que nesse período de discussões foi realizada no Museu Nacional da República uma importante exposição denominada MAB -Diálogo da Resistência, com a participação de 135 artistas,

considerando que o trabalho da Comissão concentrou-se num programa de necessidades e elaboração de um projeto básico, ainda não concluído, mas que de acordo com a última reunião realizada no Museu Nacional no dia 5 de abril, será acrescido de análise pela Secretaria de Cultura do DF, de mais dois projetos existentes na Secult antes de ser apresentado ao Governo do Distrito Federal,

e considerando a relevância dessa iniciativa e o fato de que essa obra foi incluída como prioritária pelo Governo do Distrito Federal, atendendo às exigências quanto à imprescindível preservação do patrimônio público, os conselheiros do Conselho de Cultura do DF manifestam seu apoio e concordância com o trabalho realizado até o presente momento e desejam que a reforma do MAB seja iniciada ainda este ano e concluída em 2014 para que a cidade possa ter de volta o seu Museu de Arte funcionando em condições dignas e adequadas ao momento cultural da Capital da República.
Brasília, 9 de abril de 2013
Marcio de Moraes
Presidente