Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/06/20 às 13h49 - Atualizado em 18/06/20 às 13h58

Complexo Cultural Samambaia faz “live” com autores do projeto “Peça Show”

COMPARTILHAR

Gerência do equipamento da Secec promove ciclo “Cultura Viva”, com comunidade artística local

 

O Complexo Cultural Samambaia (CCS) vai promover uma “live” nesta sexta-feira (19) às 20h com artistas locais a fim de mostrar ao público o que andam fazendo e o que está programado para o equipamento da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec) depois que o isolamento social motivado pela pandemia do coronavírus terminar.

 

O projeto virtual, batizado de “Cultura Viva”, é uma conversa entra a gerência do CCS e artistas contemplados pelo Edital FAC-Ocupação nº 02/2019. Eles poderão falar também sobre as estratégias que estão adotando nesse momento de paralisações de atividades presenciais.

 

Os convidados de amanhã são Guilherme Machado e Fábio Luiz, criadores do projeto “Peça Show”, programado para o CCS após a pandemia. Guilherme Machado trabalha com projetos culturais desde 2007 como gestor cultural, é músico e fotógrafo e integra a banda Véi Guega.

 

Fábio Luiz acumula experiência em produção de eventos e também é fotógrafo autoral num projeto seu, “Reciclando”, em que fotografa locais conhecidos utilizando-se da técnica de projeção simétrica de imagens, o que leva o público a ressignificar os espaços.

 

Guilherme está feliz com a possibilidade da “live”: “representa uma importante troca de informação entre profissionais do setor criativo. Diante da pandemia, diversas e profundas transformações estão ocorrendo no meio cultural, e a conversa é fundamental para chegarmos a respostas mais claras a essa situação. Precisamos estar juntos”.

 

Sobre “Peça Show”, Guilherme – que o divide com Fábio – explica que é composto por uma peça teatral, um debate e um show musical. As atrações cênica e musical são escolhidas pelo público em enquetes nas redes sociais do evento. “Pretendemos gerar um impacto positivo na sociedade através da movimentação do mercado criativo local, fruição cultural e formação nas áreas criativas”, diz ele.

 

Fábio conta que eles estão analisando o cenário da pandemia para avaliar se mudam o formato do espetáculo marcado para novembro: “Estamos torcendo para a situação se normalizar”, declara.

 

A gerente do Complexo Cultural Samambaia, Élvia Sousa, comemora poder movimentar a comunidade artística nas redes sociais. “Estou conversando com o pessoal e logo vamos divulgar por nosso perfil nas redes sociais a programação dos próximos encontros”.

 

Ela afirma que as “lives” “vão mostrar para a nossa comunidade que o CCS está empenhado em retirar das pessoas o sentimento negativo provocado pelo isolamento social, trazendo conforto e companhia por meio das mídias sociais”.

 

#agendacultural

 

Serviço

“Live” Cultura Viva

Sexta-feira, 19 de junho, às 20h no Instagram do CCS

 

https://www.instagram.com/complexosamambaia/