Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
16/10/19 às 19h42 - Atualizado em 17/10/19 às 11h41

Comitê Brasília 60 anos começa o planejamento das atividades para o aniversário da cidade

COMPARTILHAR

As ações integradas do Governo do Distrito Federal para as comemorações do aniversário da capital em 2020 começaram a ser planejadas nesta quarta-feira (16) pelo Comitê Brasília 60 anos. Ao todo, representantes de 11 órgãos participaram da primeira reunião que vai definir as atividades prioritárias das celebrações.

 

Coordenado pelo secretário de Cultura e Economia Criativa Adão Cândido, o Comitê vai organizar e definir todas as atividades oficiais relativas aos 60 anos de Brasília. Essas ações envolvem atividades educacionais, esportivas, culturais e institucionais voltadas não só para a celebração do aniversário da cidade, mas para pensar e propor estratégias que garantam a qualidade de vida da população local.

 

Segundo Cândido, a ideia é que este comitê represente todas as pastas do GDF. Por isso, é necessária interlocução com as demais áreas a fim de que todas as propostas sejam contempladas. “Vamos solicitar a todos os órgãos que compartilhem suas ações com o Comitê para incluí-las em nosso calendário. Nossa ideia é integrar ainda mais o GDF neste projeto, que deve durar todo o ano de 2020”, explicou.

 

Ele disse que a ampliação das ações deve incluir, ainda, iniciativas propostas por parceiros privados, organismos internacionais e, ainda, ações espontâneas. “Com o planejamento, seremos capazes de acolher outros projetos para incrementar a programação, tornando-a uma celebração plural”, completou.

 

O coordenador do Comitê Brasília 60 nos também ponderou a necessidade de se criar uma agenda permanente que foque não só nos eventos de 21 de abril, mas em algo amplo, que deixe uma marca. Para Adão Cândido, o aniversário da capital do país é uma oportunidade de se pensar a cidade. “Precisamos construir algo permanente, que tenha impacto real e ajude a planejar os próximos 60 anos. E este é o momento”, disse.

 

 

Fotos: Ludimila Barbosa SECE/DF