Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/09/12 às 13h59 - Atualizado em 13/11/18 às 14h38

Começa hoje o 45º FBCB – 18/09/2011

COMPARTILHAR

festival cinema


O 45º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro começa hoje (17/09) com apresentação da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro e a exibição do filme “A última Estação”, de Marcio Curi. Confira a programação completa.

20h30
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro, para convidados
Abertura do Festival com apresentação da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro, sob a regência do maestro Cláudio Cohen
Exibição do filme A última Estação, de Marcio Curi
Foyer da Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro, acesso livre
Exposição Petrobras apresenta: Arte por Toda Parte – A visão de Ronaldo Fraga, Sílvio Botelho, Mauricio de Sousa e Angeli sobre o cinema brasileiro
Até o dia 24/9


9h

Kubitschek Plaza Hotel, salão Tiradentes, acesso livre
Seminário Memórias afetivas: 50 anos de cinema na UnB
Tema: E como tudo começou – meio século de cinema na UnB – Vladimir Carvalho, Jean-Claude Bernardet, Fernando Duarte, Marcos Mendes, Pedro Jorge de Castro e Tizuka Yamasaki – Homenagem a José Damata

10h
Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro
Festivalzinho (curtas-metragens), escolas agendadas, classificação livre
Diversos horários: Candangolândia, Ceilândia, Taguatinga, Cruzeiro, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Park Way, Riacho Fundo II, Samambaia e Sobradinho

10h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Debate com a equipe do filme de abertura A última estação, de Marcio Curi, exibido na noite anterior no Teatro Nacional

14h
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Fórum de Defesa e Promoção do Cinema Infantil Brasileiro
Convidados: Ziraldo, Carla Camurati, Nilson Rodrigues, Pedro Rovai, Diler Trindade, Renato Aragão, Luiza Lins, Luciana Druzina e Anna Karina de Carvalho (mediação)

14h às 18h
Faculdade de Comunicação da UnB, ICC Norte, Campus Darcy Ribeiro
Oficina Desenho de som, com Eduardo Santos Mendes – até 22/9

14h às 18h
Faculdade de Comunicação da UnB, ICC Norte, Campus Darcy Ribeiro
Oficina Edição de som, com Guile Martins – até 22/9

14h às 16h
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Tiradentes, acesso livre
Seminário Memórias afetivas: 50 anos de cinema na UnB
Tema: Como tudo continuou – Dos anos 80 aos dias de hoje – Sérgio Moriconi, Pedro Anísio, João Lanari, Armando Lacerda, Maria do Rosário, Mallú Moraes e João Facó – Homenagem à professora Maria Coeli

16h30 às 18h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Tiradentes, acesso livre
Seminário Memórias afetivas: 50 anos de cinema na UnB
Tema: A Universidade nas telas da cidade – Nossos alunos, professores e realizadores – Armando Bulcão, Dácia Ibiapina, David Pennington, Denise Moraes, Erica Bauer, Mauro Giuntini, Tânia Montoro, Gustavo Castro, Susana Dobal Jordan e ex-alunos convidados

17h
Sala Alberto Nepomuceno do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca
Mostra Brasília 5.2 – Cinema e memória
A saga das candangas invisíveis, de Denise Caputo, 15min, DF, 2008 (14 anos)
Brasília segundo Feldman, de Eugene Feldman e Vladimir Carvalho, 20min, DF, 1979
JK o menino que sonhou um país, de Silvio Tendler, 52min, RJ, 2002

19h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Documentário, classificação 14 anos
Câmara escura, de Marcelo Pedroso, 25min, PE
Um filme para Dirceu, de Ana Johann, 80min, PR

21h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Ficção e Animação, classificação 12 anos
Linear, de Amir Admoni, 6min, SP
Canção para minha irmã, de Pedro Severien, 18min, PE
Eles voltam, de Marcelo Lordello, 100min, PE


9h às 16h

SESC Teatro Paulo Autran, Taguatinga Norte
Oficina Interpretação para cinema – o ator e a arte, com Mallú Moraes – até 22/9

10h
Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro
Diversos horários: Candangolândia, Ceilândia, Taguatinga, Cruzeiro, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Park Way, Riacho Fundo II, Samambaia e Sobradinho
Festivalzinho (curtas-metragens), escolas agendadas, classificação livre

10h
Kubitschek Plaza Hotel, salão Tiradentes, acesso livre
Fórum de defesa e promoção do cinema Infantil brasileiro
Convidados: Ziraldo, Carla Camurati, Nilson Rodrigues, Pedro Rovai, Diler Trindade, Renato Aragão, Luiza Lins, Luciana Druzina e Anna Karina de Carvalho (mediação)

10h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de documentários exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

11h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de ficção e animação exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

14h
Kubitschek Plaza Hotel, salão Tiradentes
Oficina Atuando para a câmera, com Mounir Maasri – até 21/9

14h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Seminário Tendências do cinema contemporâneo: gêneros cinematográficos e suas interfaces
Ataídes Braga, Eduardo Santos Mendes, Guile Martins, Adirley Queirós e Erika Bauer (mediadora)

16h
Sala Alberto Nepomuceno do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca
Mostra Brasília 5.2 – Cinema e memória – classificação livre
Poeira & batom, de Tânia Fontenele, 58min, DF, 2010
JK – um cometa no céu do Brasil, de Maria Maia, 80min, DF, 2001

16h e 21h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Ficção e Animação (reprise), classificação 12 anos
Linear, de Amir Admoni, 6min, SP
Canção para minha irmã, de Pedro Severien, 18min, PE
Eles voltam, de Marcelo Lordello, 100min, PE

19h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Documentário (reprise), classificação 14 anos
Câmara escura, de Marcelo Pedroso, 25min, PE
Um filme para Dirceu, de Ana Johann, 80min, PR

19h
Praça da Q7 do Guará I, acesso livre
Cinema Voador, exibição de filme nacional

19h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Documentário, classificação livre
A cidade, de Liliana Sulzbach, 15min, RS
Kátia, de Karla Holanda, 74min, PI

21h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Ficção e Animação, classificação 14 anos
Mais valia, de Marco Túlio Ramos Vieira, 4min22, MG
Vereda, de Diego Florentino, 20min, PR
A memória que me contam, de Lucia Murat, 95min, RJ


10h

Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro
Diversos horários: Candangolândia, Ceilândia, Taguatinga, Cruzeiro, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Park Way, Riacho Fundo II, Samambaia e Sobradinho
Festivalzinho (curtas-metragens), escolas agendadas, classificação livre

10h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de documentários exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

11h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de ficção e animação exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

14h30
Kubitschek Plaza Hotel, auditório Caxambu, acesso livre
Seminário Paulo Emilio e a crítica cinematográfica
Tema: Cinema brasileiro – Atividade ainda cíclica? e Ensaio cinema brasileiro – Uma trajetória no subdesenvolvimento
Ismail Xavier, Alfredo Manevy e Ivonete Pinto (moderadora)

15h às 19h
Sala Alberto Nepomuceno do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca, classificação livre
Mostra A UnB e o Cinema: homenagem a Darcy Ribeiro, Heinz Forthmann e Joaquim Ferreira Lima – classificação livre
Os índios Urubus – um dia na vida de uma tribo da floresta tropical, de Heinz Forthmann
Heinz Forthmann, de Marcos de Souza Mendes; apresentação, Marcos de Souza Mendes
Universidade de Brasília: primeira experiência em pré-moldado, de Heinz Forthmann; apresentação, José Carlos Coutinho
Rito Krahô, de Heinz Forthmann; apresentação, Julio Cezar Melatti
O vidreiro, de Marcos de Souza Mendes; apresentação, Fernando Duarte e Maria Hosana Conceição

16h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca
Mostra Panorama Brasil, classificação livre
Entorno da beleza, de Dácia Ibiapina, 71min, DF

16h e 21h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Ficção e Animação (reprise), classificação 14 anos
Mais valia, de Marco Túlio Ramos Vieira, 4min22, MG
Vereda, de Diego Florentino, 20min, PR
A memória que me contam, de Lucia Murat, 95min, RJ

19h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Documentário (reprise), classificação livre
A cidade, de Liliana Sulzbach, 15min, RS
Kátia, de Karla Holanda, 74min, PI

19h
Praça da Q7 do Guará I, acesso livre
Cinema Voador, exibição de filme nacional

19h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Documentário, classificação livre
A guerra dos gibis, de Thiago Brandimarte Mendonça e Rafael Terpins, 19min30, SP
Otto, de Cao Guimarães, 70min, MG

21h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Ficção e Animação, classificação 16 anos
O gigante, de Luís da Matta Almeida, 10min35, SC
A mão que afaga, de Gabriela Amaral Almeida, 19min, SP
Boa sorte, meu amor, de Daniel Aragão, 95min, PE


10h

Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro
Diversos horários: Candangolândia, Ceilândia, Taguatinga, Cruzeiro, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Park Way, Riacho Fundo II, Samambaia e Sobradinho
Festivalzinho (curtas-metragens), escolas agendadas, classificação livre

10h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de documentários exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

11h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de ficção e animação exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

14h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Seminário Paulo Emilio e a crítica cinematográfica
Tema: Presença de Paulo Emilio no pensamento cinematográfico brasileiro: ela ainda existe?
Fernão Ramos, Carlos Augusto Calil, Luiz Zanin e José Geraldo Couto (moderador)

16h
Sala Alberto Nepomuceno do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca
Mostra Brasília 5.2 – Cinema e memória, classificação livre
Cinejornais Brasília nº 4, 1957; Brasília nº 10, 1958; Brasília nº 16, 1959 e Profecia Dom Bosco, 8min58, 1957/1958
As primeiras imagens de Brasília, 10min26, 1957
Debate: Brasília 52 anos de memória audiovisual, com Tânia Fontenelle, Walter Mello e Gustavo Chauvet
Lançamento do catálogo Brasília 5.2 – Cinema e Memória, de Berê Bahia

16h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca
Mostra Panorama Brasil, classificação livre
Carta para o futuro, de Renato Martins, 88min, RJ

16h e 21h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Ficção e Animação (reprise), classificação 16 anos
O gigante, de Luís da Matta Almeida, 10min35, SC
A mão que afaga, de Gabriela Amaral Almeida, 19min, SP
Boa sorte, meu amor, de Daniel Aragão, 95min, PE

18h
Foyer do Teatro Nacional Claudio Santoro
Lançamento do catálogo Brasília 5.2 – Cinema e Memória, de Berê Bahia

19h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Documentário (reprise), classificação livre
A guerra dos gibis, de Thiago Brandimarte Mendonça e Rafael Terpins, 19min30, SP
Otto, de Cao Guimarães, 70min, MG

19h
Praça da Q7 do Guará I, acesso livre
Cinema Voador, exibição de filme nacional

19h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Documentário, classificação 14 anos
Empurrando o dia, de Felipe Chimicatti, Pedro Carvalho e Rafael Bottaro, 25min, MG
Doméstica, de Gabriel Mascaro, 75min, PE

21h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Ficção e Animação, classificação 14 anos
Valquíria, de Luiz Henrique Marques, 8min32, MG
Eu nunca deveria ter voltado, de Eduardo Morotó, Marcelo Martins Santiago e Renan Brandão, 15min, RJ
Era uma vez eu, Verônica, de Marcelo Gomes, 90min, PE


10h

Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro
Diversos horários: Candangolândia, Ceilândia, Taguatinga, Cruzeiro, Gama, Guará, Núcleo Bandeirante, Park Way, Riacho Fundo II, Samambaia e Sobradinho
Festivalzinho (curtas-metragens), escolas agendadas, classificação livre

10h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de documentários exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

11h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de ficção e animação exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

14h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Seminário Paulo Emilio e a crítica cinematográfica
Tema: Presença de Paulo Emilio no pensamento cinematográfico brasileiro: ela ainda existe?
Fernão Ramos, Carlos Augusto Calil, Luiz Zanin e José Geraldo Couto (moderador)

16h
Sala Alberto Nepomuceno do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca
Mostra Brasília 5.2 – Cinema e memória, classificação livre
Cinejornais Brasília nº 4, 1957; Brasília nº 10, 1958; Brasília nº 16, 1959 e Profecia Dom Bosco, 8min58, 1957/1958
As primeiras imagens de Brasília, 10min26, 1957
Debate: Brasília 52 anos de memória audiovisual, com Tânia Fontenelle, Walter Mello e Gustavo Chauvet
Lançamento do catálogo Brasília 5.2 – Cinema e Memória, de Berê Bahia

16h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro, entrada franca
Mostra Panorama Brasil, classificação livre
Carta para o futuro, de Renato Martins, 88min, RJ

16h e 21h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Ficção e Animação (reprise), classificação 16 anos
O gigante, de Luís da Matta Almeida, 10min35, SC
A mão que afaga, de Gabriela Amaral Almeida, 19min, SP
Boa sorte, meu amor, de Daniel Aragão, 95min, PE

18h
Foyer do Teatro Nacional Claudio Santoro
Lançamento do catálogo Brasília 5.2 – Cinema e Memória, de Berê Bahia

19h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Documentário (reprise), classificação livre
A guerra dos gibis, de Thiago Brandimarte Mendonça e Rafael Terpins, 19min30, SP
Otto, de Cao Guimarães, 70min, MG

19h
Praça da Q7 do Guará I, acesso livre
Cinema Voador, exibição de filme nacional

19h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Documentário, classificação 14 anos
Empurrando o dia, de Felipe Chimicatti, Pedro Carvalho e Rafael Bottaro, 25min, MG
Doméstica, de Gabriel Mascaro, 75min, PE

21h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Ficção e Animação, classificação 14 anos
Valquíria, de Luiz Henrique Marques, 8min32, MG
Eu nunca deveria ter voltado, de Eduardo Morotó, Marcelo Martins Santiago e Renan Brandão, 15min, RJ
Era uma vez eu, Verônica, de Marcelo Gomes, 90min, PE


10h e 14h

CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Festivalzinho (curtas-metragens), classificação livre

10h30
Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de documentários exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

11h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de ficção e animação exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

14h
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Debate sobre séries de TV
Marçal Aquino, Newton Cannito, Marcel Vieira, Karina Barbosa e Pablo Gonçalo (mediador)

14h
Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro
Mostra Brasília e debate, classificação 14 anos
Hex omega, de Diogo Serafim, 8min
Colher de chá, de J. Procópio, 25min
Parece que existo, de Mario Salimon, 73min

16h
Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro
Mostra Brasília e debate, classificação 16 anos
Sagrado coração, de Cauê Brandão, 24min
A caroneira, de Otavio Chamorro e Tiago Vaz, 19min
Véi, de Érico Cazarré e Juliano Cazarré, 25min
Zé do pedal, acima da terra e abaixo do céu, de Márcio Garapa e Viça Saraiva, 24min50
Hereditário, de Sérgio Lacerda e Johil Carvalho, 20min

16h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Mostra Panorama Brasil, entrada franca, classificação 12 anos
Cine Holliúdy, de Halder Gomes, 91min, CE

16h e 21h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Ficção e Animação (reprise), classificação 12 anos
Phantasma, de Alessandro Corrêa, 10min20, SP
Vestido de Laerte, de Claudia Priscilla e Pedro Marques, 13min, SP
Noites de Reis, de Vinicius Reis, 93min, RJ

19h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra Competitiva – Documentário (reprise), classificação 16 anos
A ditadura da especulação, de Zé Furtado, 10min20, DF
Olho Nu, de Joel Pizzini, 101min, RJ

19h
Praça da Q7 do Guará I, acesso livre
Cinema Voador, exibição de filme nacional

19h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Documentário, classificação 14 anos
A onda traz, o vento leva, de Gabriel Mascaro, 24min47, PE
Elena, de Petra Costa, 82min, SP/MG

21h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro
Teatro SESC Newton Rossi Ceilândia, Teatro de Sobradinho, Teatro Paulo Autran SESC Taguatinga e Teatro SESC Gama
Mostra competitiva – Ficção e Animação, classificação 12 anos
Destimação, de Ricardo de Podestá, 13min, GO
Menino peixe, de Eva Randolph, 17min, RJ
Esse amor que nos consome, de Allan Ribeiro, 80min, RJ


10h30

Kubitschek Plaza Hotel, Salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva
de documentários exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

11h30
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Debate com as equipes dos filmes da mostra competitiva de ficção e animação exibidos na noite anterior no Teatro Nacional

14h
Kubitschek Plaza Hotel, salão Caxambu, acesso livre
Painel: Conquistas e desafios: primeiro ano da Frente Parlamentar do audiovisual e o seu novo momento
Participação: Dep. Arthur Bruno (PT/CE), Pres. da Frente Parlamentar do Audiovisual; Ana Paula Santana, Sec. do Audiovisual; Humberto Luiz da Silva, Sec. de Comércio e Serviços; Manoel Rangel, Dir. Pres. da Ancine; Mauricio Borges, Pres. da Apex-Brasil; Marco Altberg, Pres. da ABPI-TV; João Daniel Tikhomiroff, Conselho Executivo da APRO; André Sturm, Pres. do SIAESP e Silvia Rabello, Pres. do Sicav

16h e 21h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Ficção e Animação (reprise), classificação 12 anos
Destimação, de Ricardo de Podestá, 13min, GO
Menino peixe, de Eva Randolph, 17min, RJ
Esse amor que nos consome, de Allan Ribeiro, 80min, RJ

19h
CCBB – Centro Cultural Banco do Brasil
Mostra competitiva – Documentário (reprise), classificação 14 anos
A onda traz, o vento leva, de Gabriel Mascaro, 24min47, PE
Elena, de Petra Costa, 82min, SP/MG

20h
Sala Villa-Lobos do Teatro Nacional Claudio Santoro, para convidados
Noite de premiação – entrega dos troféus e prêmios