Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
30/03/17 às 13h17 - Atualizado em 13/11/18 às 14h50

Cine Brasília: programação para abril de 2017

COMPARTILHAR

De 30 março a 5 abril

Com nada menos que dez filmes em cartaz, sendo seis deles inéditos, o Cine Brasília apresenta nesta semana como seu principal destaque o Festival de Cinema de Língua Alemã. São 5 filmes inéditos no circuito comercial brasileiro, sendo um deles, Um Sino Para o Pequeno Urs, dedicado ao publico infantil. A abertura da mostra acontece na sexta-feira, dia 31, às 20h, com o aguardado Stefan Zweig, Adeus Europa, dirigido pela conhecida atriz Maria Schrader. O filme recebeu críticas consagradoras das principais revistas europeias de cinema. A outra estreia da semana, O Ornitólogo, de João Pedro Rodrigues, é uma intrigante investigação sobre o gênero (nos dois sentidos do termo) humano. O longa foi visto no 24º Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, em novembro de 2016 sob olhares estupefatos da plateia. Compondo a programação, permanecem em dias e horários alternados (confira na grade), Volta à Terra, O Filho de Joseph, Era o Hotel Cambridge e Souvenir.

P R O G R A M A Ç Ã O

*SESSÃO VITRINE PETROBRAS* O Ornitólogo (Portugal|França|Brasil, 2017, drama, 118 min., classificação 16 anos), direção: João Pedro Rodrigues. 

30/3 e 5/4 às 14h | 31/3 e 1/4 às 13h30

Sinopse: Fernando (Paul Hamy) é um solitário homem de 40 anos que trabalha como um ornitólogo. Ele decide viajar pelo curso de um rio a bordo de um caiaque, mas quando uma correnteza forte derruba sua pequena embarcação, ele inicia uma jornada sem volta e repleta de perigos.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=xnTKDi925CA

 

Volta à Terra (Portugal/Suiça/França, 2016, documentário, 78 min., classificação 12 anos), direção: João Pedro Plácido.

30/3 às 16h | 31/3, 1/4 e 2/4 às 15h30 | 5/4 às 17h50

Sinopse: Conta a história de uma comunidade em extinção: camponeses que praticam agricultura de subsistência numa aldeia das montanhas do norte de Portugal, esvaziada pela imigração. Entre a evocação do passado e um futuro incerto, seguimos os 49 habitantes da Uz pelas quatro estações do ano. Entre eles encontramos António, antigo emigrante que realizou o sonho de regressar ao país, e Daniel, jovem pastor que sonha com o amor ao anoitecer.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=nC6bvqDcCHQ

 

Souvenir (Bélgica, Luxemburgo, França, 2017, romance, 90 min, classificação 16 anos), direção: Bavo Defurne.

30/3 às 17h30 | 5/4 às 16h15

Sinopse: Liliane já teve dias de glória como promissora estrela da música, ficando em segundo lugar num famoso show de talentos da Europa, em 1974. Após anos esquecida pelo público e trabalhando numa fábrica, sua vida vira do avesso quando ela se apaixona por Jean, boxeador de 21 anos que a leva a sonhar com a volta aos palcos.

Trailer: www.youtube.com/watch?v=Sa6aofJ3B4c

 

Era O Hotel Cambridge (Brasil, 2016, Ficção, 93 min, classificação indicativa 12 anos, com: Zé Dumont, Suely Franco e Carmen Silva), direção: Eliane Caffé.

30/3 às 19h10 | 31/3 às 16h50 | 1/4 às 21h15 | 3/4 às 18h40 | 5/4 às 19h15

Sinopse: O filme narra a trajetória de refugiados recém-chegados ao Brasil que, juntos com trabalhadores sem-teto, ocupam um velho edifício abandonado no centro de São Paulo. Em meio à tensão diária da ameaça do despejo, revelam-se dramas, situações cômicas e diferentes visões de mundo.

Trailer: http://www.vitrinefilmes.com.br/site/?page_id=4278

 

O Filho de Joseph (Le Fils de Joseph, França/Bélgica, 2015, drama, 115 min., classificação 14 anos), direção: Eugène Green.

30/3 às 20h50 | 2/4 às 13h30 | 3/4 às 20h20 | 5/4 às 21h

Sinopse: Vincent, adolescente de 15 anos, foi criado com amor pela mãe, Marie, mas ela sempre se recusou a revelar quem é seu pai. Ele finalmente descobre que é um certo Oscar Pormenor, editor parisiense egoísta e cínico. Vincent desenvolve um violento plano de vingança, mas o encontro com Joseph, homem que vive à margem da sociedade, tem profundo impacto na vida de mãe e filho.

Trailer: https://youtu.be/7dBrFSeKml8


*PRÉ-ESTREIA* Imprevistos de uma Noite em Paris (Ouvert la nuit, França, 2017, 97min, comédia dramática, classificação 18 anos), direção de Edouard Baer

Domingo, 2/4, às 11h

 

Sinopse: O teatro da Estrela, em Paris, enfrenta uma série de problemas: os funcionários não recebem os salários há meses, os patrocinadores querem retirar o apoio financeiro e a mais nova peça, de um excêntrico diretor japonês, não agrada o elenco. O diretor do local, Luigi (Edouard Baer), tem que enfrentar todos esses problemas e mais alguns, como a necessidade de encontrar um macaco de verdade para participar do espetáculo e a dificuldade de comparecer ao aniversário do afilhado. Nas 24h que antecedem a estreia, ele tenta consertar todos os erros, à sua maneira malandra e pouco honesta.

 

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=QryYs0pPlqs

 


Semana da Língua Alemã 2017 – Mostra de Cinema

Sexta, 20h – Stefan Zweig – Adeus, Europa (Vor der Morgenröte, Áustria, Alemanha e França, 2016, drama, 106min, classificação livre), direção: Maria Schrader.

Sinopse: O filme Stefan Zweig – Adeus Europa (original “Vor der Morgenröte”) fala da vida do escritor austríaco Stefan Zweig no exílio. No auge de sua fama mundial, ele é forçado a emigrar e fica desesperado em face do conhecimento sobre a queda da Europa, que ele prevê cedo. Rio de Janeiro, Buenos Aires, Nova York, Petrópolis são quatro estações no exílio do Stefan Zweig. Foi selecionado como representante da Áustria ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2017. Entrada franca.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=Z1RAT0c9mwc

Sábado, 1\4, 17h – Um sino para o pequeno Urs (Suíça, 2016, infantil, 100 min. Classificação 8 anos) Direção: Xavier Koller.

Sinopse: Inspirado em um conto infantil, o filme narra as aventuras do pequeno Urs nas montanhas suíças. A história ocorre no povoado de Guarda, onde todo ano, em 1° de março, as crianças percorrem as ruas com sinos para espantar o inverno e dar as boas-vindas à primavera. O pequeno Urs também quer participar da festa, mas como só tem um sino pequeno, é enviado ao fim do cortejo. Às escondidas, Urs foge de casa para a montanha em busca de sino maior. É apenas o começo de sua aventura. Entrada franca.

Trailer: http://www.arrimedia.de/international/current-highlights/detail-projects/little-mountain-boy/

Sábado, 19h30 – Mahler no Divã (Alemanha e Áustria, 2010, drama,98 min., classificação 10 anos), Direção: Percy Adlon e Felix O. Adlon.

Sinopse: No verão de 1910: Gustav Mahler viaja para a Holanda para se consultar com Sigmund Freud. Sua mulher tem um caso amoroso com o jovem arquiteto Walter Gropius e o celebrado compositor não sabe mais o que fazer. Portanto, o psicanalista deve ajudá-lo. Por fim, Freud obriga Mahler a fazer reconhecimentos dolorosos. Entrada franca

Domingo, 17h – Flores de Cereja – Hanami (Alemanha, 2009, comedia, 127 min, classificação 12 anos), direção: Doris Dörrie.

Sinopse: Rudi (Elmar Wepper) está com câncer e não sabe que lhe restam somente algumas poucas semanas de vida. Somente sua esposa Trudi (Hannelore Elsner), alegre, esotérica; sabe do diagnóstico do médico e resolve fazer com ele uma última viagem. Trudi morre inesperadamente ao estarem no mar Báltico, assim Rudi satisfaz o maior desejo dela: viajar para o Japão e visitar o monte Fuji. Entrada franca.

Domingo, 19h30 – Z'Alp (Suíça, 2013, documentário, 102 min, classificação 12 anos), direção: Thomas Rickenmann.

Sinopse: “Uffahre”, “Züglete” ou “Öberefahre”: cada região da Suíça tem o seu próprio nome para a maior e mais emocionante aventura que os agricultores realizam todos os anos: a cansativa subida para os Alpes com o seu gado e equipamentos para trabalhar a terra, fazer queijo e alimentar o rebanho. O diretor desse documentário acompanha três famílias nessa viagem até suas residências de verão. Entrada franca.

Trailer: http://www.alpfilm.ch/Film/Trailer.html


Concerto da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro – Terça, 20h. Entrada franca

 

De 6 a 12 de abril

*Cine Brasília inaugura sessões infantis aos sábados e domingos.

*João Pedro Rodrigues, diretor do aclamado O Ornitólogo debate com a plateia do Cine Brasília no dia 10.

*Estreia a produção francesa Imprevistos de uma Noite em Paris.

Mais uma vez com um cardápio variadíssimo de atrações, nada menos que sete filmes em cartaz, dois deles inéditos, com o destaque especialíssimo da estreia de sessão dedicada às crianças todos os sábados e domingos. O filme escolhido para a abertura doo programa dedicado às crianças é Abril e o Mundo Extraordinário, obra elogiada pela crítica internacional e premiada como a melhor animação no prestigiado festival francês de Annecy. Outra estreia é Imprevistos de uma Noite em Paris (com a sublime Audrey Tautou). A programação tem ainda como destaques O Ornitólogo, cuja sessão do dia 10 de abril contará com a presença do diretor João Pedro Rodrigues, que irá debater com o público as questões de gênero na nossa contemporaneidade. O longa foi apresentado no 24º Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, em novembro de 2016. Compondo a grade permanecem, o documetário português Volta à Terra, em dias e horários alternados com o brasileiro Travessia e com Era o Hotel Cambridge.

P R O G R A M A Ç Ã O

11h (somente sábado e domingo) – *Ciclo de Cinema Francês Infantil* Abril e o Mundo Extraordinário (Avril et le Monde Truqué França\ Bélgica\Canadá, 2017, aventura, animação, 95min, classificação livre), direção: Franck Ekinci e Christian Desmares.

Sinopse: Em 1941, a França, ainda em um estado atrasado de desenvolvimento, presa ao século dezenove, é governada por Napoleão V. Durante um período de 70 anos, uma coisa peculiar vem acontecendo: cientistas franceses desaparecem misteriosamente sem que ninguém saiba por qual motivo. As coisas mudam quando os pais de Avril (Marion Cotillard), dois cientistas, somem e a filha decide ir à procura dos dois.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=zC8GkF2aEg0

14h e 19h10 (segunda somente 21h30) – Imprevistos de uma noite em Paris (Ouvert la nuit, França, 2016, comédia, 97min, classificação 16 anos), direção: Édouard Baer.

Sinopse: Luigi tem uma noite para salvar seu teatro, um dos mais prestigiados de Paris. Uma noite para encontrar um macaco ator para subir no palco. Uma noite para recuperar a confiança da sua equipe e o respeito de seu melhor amigo. Uma noite, enfim, para provar a sua jovem e confiante estagiaria, que existe uma maneira diferente de resolver os (inúmeros) problemas: dando prioridade ao que você acha mais divertido.

Trailer: http://imovision.com.br/index.php/filme/ouvert-la-nuit/

15h50 (sexta, domingo e segunda não haverá sessão) – Volta à Terra (Portugal/Suíça/França, 2016, documentário, 78 min., classificação 12 anos), direção: João Pedro Plácido.

Sinopse: Conta a história de uma comunidade em extinção: camponeses que praticam agricultura de subsistência numa aldeia das montanhas do norte de Portugal, esvaziada pela imigração. Entre a evocação do passado e um futuro incerto, seguimos os 49 habitantes da Uz pelas quatro estações do ano. Entre eles encontramos António, antigo emigrante que realizou o sonho de regressar ao país, e Daniel, jovem pastor que sonha com o amor ao anoitecer.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=nC6bvqDcCHQ

15h50 (somente sexta e domingo) – Travessia (Brasil, 2017, drama, 114 min, classificação 16 anos), direção João Gabriel.

Sinopse: O fileme se passa na cidade de Salvador e constrói em paralelo as historias dos personagens Roberto e Julio, protagonizados por Chico Diaz e Caio Castro que interpretam pai e filho.

Trailer: http://www.o2play.com.br/filme/travessia

17h30 (segunda não haverá sessão) – Era O Hotel Cambridge (Brasil, 2016, Ficção, 93 min, classificação indicativa 12 anos, com: Zé Dumont, Suely Franco e Carmen Silva), direção: Eliane Caffé.

Sinopse: O filme narra a trajetória de refugiados recém-chegados ao Brasil que, juntos com trabalhadores sem-teto, ocupam um velho edifício abandonado no centro de São Paulo. Em meio à tensão diária da ameaça do despejo, revelam-se dramas, situações cômicas e diferentes visões de mundo.

Trailer: http://www.vitrinefilmes.com.br/site/?page_id=4278

20h50 (segunda às 18h30, com debate com o diretor) – *SESSÃO VITRINE PETROBRAS* O Ornitólogo (Portugal|França|Brasil, 2017, drama, 118 min., classificação 16 anos), direção: João Pedro Rodrigues.

Sinopse: Fernando (Paul Hamy) é um solitário homem de 40 anos que trabalha como um ornitólogo. Ele decide viajar pelo curso de um rio a bordo de um caiaque, mas quando uma correnteza forte derruba sua pequena embarcação, ele inicia uma jornada sem volta e repleta de perigos.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=xnTKDi925CA


De 13 a 19 de abril

O Cine Brasília dá continuidade às sessões para crianças com o Ciclo de Cinema Francês Infantil, às 11h, nos sábados e domingos do mês de abril. O filme escolhido para esta semana é o delicioso Um Gato em Paris, filme que obteve ótica repercussão quando exibido na Europa.

Estreia a aguardada produção brasileira Martírio que terá a presença de dois dos realizadores na sessão gratuita das 19h do dia 19/4, como parte das atividades do Aniversário de Brasília e em homenagem ao Dia do Índio. O filme foi escolhido pelo Júri Popular no 49º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, considerado um dos documentários mais importantes sobre a luta dos povos indígenas já realizados no país. Alguns chegam a dizer que é um filme para abalar Brasília.

Nossa programação tem ainda como destaques O Ornitólogo, longa apresentado no 24º Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, em novembro de 2016. Compondo a nossa grade, prossegue o impressionante Era o Hotel Cambridge.

P R O G R A M A Ç Ã O

11h (somente sábado e domingo) – *Ciclo de Cinema Francês Infantil* Um Gato em Paris (Une Vie de Chat França\Holanda\Suiça\Bélgica, 2010, animação, 70 min., classificação 8 anos), direção: Alain Gagnol e Jean Loup Felicioli.

Sinopse: O gato Dino leva uma vida dupla. Durante o dia mora em Zoé, a filha de uma delegada de polícia. A noite ele escala os tetos de Paris em companhia de Nico, um ladrão de grande habilidade.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=-lDWt5Md9FE

13h30 e 19h15 (segunda às 20h20) – Imprevistos de uma noite em Paris (Ouvert la nuit, França, 2016, comédia, 97min, classificação 16 anos), direção: Édouard Baer.

Sinopse: Luigi tem uma noite para salvar seu teatro, um dos mais prestigiados de Paris. Uma noite para encontrar um macaco ator para subir no palco. Uma noite para recuperar a confiança da sua equipe e o respeito de seu melhor amigo. Uma noite, enfim, para provar a sua jovem e confiante estagiaria, que existe uma maneira diferente de resolver os (inúmeros) problemas: dando prioridade ao que você acha mais divertido.

Trailer: http://imovision.com.br/index.php/filme/ouvert-la-nuit/

15h15 (segunda não haverá sessão) – O Ornitólogo (Portugal|França|Brasil, 2017, drama, 118 min., classificação 16 anos), direção: João Pedro Rodrigues.

Sinopse: Fernando (Paul Hamy) é um solitário homem de 40 anos que trabalha como um ornitólogo. Ele decide viajar pelo curso de um rio a bordo de um caiaque, mas quando uma correnteza forte derruba sua pequena embarcação, ele inicia uma jornada sem volta e repleta de perigos.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=xnTKDi925CA

17h25 (segunda às 18h20) – Era O Hotel Cambridge (Brasil, 2016, Ficção, 93 min, classificação indicativa 12 anos, com: Zé Dumont, Suely Franco e Carmen Silva), direção: Eliane Caffé.

Sinopse: O filme narra a trajetória de refugiados recém-chegados ao Brasil que, juntos com trabalhadores sem-teto, ocupam um velho edifício abandonado no centro de São Paulo. Em meio à tensão diária da ameaça do despejo, revelam-se dramas, situações cômicas e diferentes visões de mundo.

Trailer: http://www.vitrinefilmes.com.br/site/?page_id=4278

21h (segunda não haverá sessão; quarta, sessão especial com entrada franca seguida de debate com realizadores) – *ESTREIA* Martírio, (Brasil, 2017, documentário, 160 min, classificação 14 anos), direção: Vincent Carelli.

Sinopse: O retorno ao princípio da grande marcha de retomada dos territórios sagrados Guarani Kaiowá através das filmagens de Vincent Carelli, que registrou o nascedouro do movimento na década de 1980. Vinte anos mais tarde, tomado pelos relatos de sucessivos massacres, Carelli busca as origens deste genocídio, um conflito de forças desproporcionais: a insurgência pacífica e obstinada dos despossuídos Guarani Kaiowá frente ao poderoso aparato do agronegócio.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=C4jNPwqjfjk

 

De 27 abril a 3 maio

(às terças, o Cine Brasília funciona exclusivamente para ensaios e apresentações da Orquestra Sinfônica)

Nojoom, filme que narra a história da primeira criança iemenita a obter o direito ao divórcio chega, com exclusividade, à tela do Cine Brasília depois de fazer sucesso em livro. No Iêmen, uma a cada três garotas se casa antes dos 18 anos. Deliciosa comédia australiana apresentada na seleção oficial do Festival de Berlim, O Sonho de Greta simplesmente arrebanhou os prêmios de público e crítica nos principais festivais australianos e o Prêmio do Júri Jovem de Melhor Filme no Seattle International Film Festival.

No ciclo de filmes infantis franceses, o grande destaque deste sábado e domingo às 11h é o espetacular e inédito Asterix e o Domínio dos Deuses. Além dos destaques mencionados, o Cine Brasília dá continuidade ao Projeto Vitrine Petrobras, apresentando nesta semana Elon Não Acredita na Morte, longa-metragem visto no Festival de Brasília do Cinema Brasileiro do ano passado e que teve boa repercussão junto ao público.

P R O G R A M A Ç Ã O

11h (somente sábado e domingo) – *Ciclo de Cinema Francês Infantil* Asterix e o Domínio dos Deuses (Astérix: Le Domaine des Dieux, França/ Belgica, 2014, animação, 86 min., classificação livre), direção: Louis Clichy e Alexandre Astier .

Sinopse: Ano 50 antes de Cristo; toda a Gália está ocupada pelos Romanos. Toda? Não! Pois uma aldeia povoada por irredutíveis gauleses resiste ao invasor. Exasperado pela situação, Julio César decide mudar de tática e decide construir ao lado da aldeia uma propriedade luxuosa, cujos donos serão os romanos. Nossos amigos gauleses resistirão? A aldeia deles se tornará uma simples atração turística? Astérix e Obélix tudo farão para se oporem aos planos de César.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=_6xARlW8DHA

14h (segunda não haverá sessão) – *Sessão Vitrine Petrobrás* Elon Não Acredita na Morte (Brasil, 2016, ficção, 75 min., classificação 16 anos), direção: Ricardo Alves jr.

Sinopse: Após o desaparecimento de sua esposa, Madalena, Elon imerge em uma jornada insone pelos cantos mais sombrios da cidade, buscando entender o que pode ter acontecido com ela, na tentativa de não perder sua sanidade pelo caminho.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=ICuGHpF1cWA

15h30 e 19h10 (segunda só a última sessão) – *Estreia* O Sonho de Greta (Austrália, 2016, comédia, 80 min, classificação livre), direção: Rosemary Myers.

Sinopse: O mundo está se fechando em torno de Greta Driscoll. Às vésperas de fazer 15 anos, ela não consegue lidar com a ideia de abandonar sua infância, onde encontra todas as coisas que lhe dão conforto neste novo e incompreensível mundo.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=XUiEfmZ8oJY

17h e 20h40 (segunda só a última sessão) – *Estreia* Nojoom, 10 anos, divorciada (Ana Nojoom bent alasherah wamotalagah, Iêmen, 2017, ficção, 99 min., classificação 16 anos), direção: Khadija al Salami

Sinopse: Uma garotinha de 10 anos entra em um tribunal, olha nos olhos do juiz e diz: “Eu quero o divórcio.” No Iêmen, onde não há exigência de idade para o casamento, Nojoom é forçada a se casar com um homem de 30 anos de idade. O dote oferecido à família representa uma pequena renda e uma boca a menos para alimentar. Um arranjo legítimo e aceitável para todos os envolvidos, exceto para Nojoom, que em breve verá sua vida tomar um rumo devastador.

Trailer: http://esferacultural.com.br/site/nojoom-10-anos-divorciada/

 

S E R V I Ç O:

Ingressos: R$ 12,00 (inteira) R$ 6,00 (meia entrada)

Semana da Língua Alemã 2017 – Mostra de Cinema – Entrada Franca

Sessão especial de Martírio dia 19/4, às 19h – Entrada franca

Às terças o cinema sedia ensaios e apresentações da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro

Programador responsável: Sergio Moriconi smoriconi@terra.com.br

Programação Completa em: www.cultura.df.gov.br e facebook.com/cinebrasilia1960