Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
27/06/14 às 11h18 - Atualizado em 13/11/18 às 14h49

Café caseiro é servido de graça no FIFA Fan Fest

COMPARTILHAR


Visitantes apreciam o autêntico café da fazenda

Todos os dias, na cidade cenográfica do Maior São João do Cerrado, montada no FIFA Fan Fest, é possível tomar um cafezinho de graça, fervido no fogão a lenha e coado no filtro de pano, bem caseiro.

A bebida é preparada diariamente com muito carinho pela artesã Tetê Alcândida, 55. “O café sai sempre que aprecem os visitantes e turistas. Eu fervo a água no caldeirão, coloco o pó e o açúcar e depois sirvo nas xícaras de alumínio, do mesmo jeito que aprendi na fazenda da minha família, em Goiás”.

A receita do cafezinho foi passada de geração em geração, mas, segundo ela, não tem muito segredo. A explicação é que o café faz sucesso porque tem o sabor típico da fazenda e supera o gosto dos cafés feitos pelas modernas máquinas disponíveis no mercado. “Eu não troco meu café por nada e quem vem aqui também sempre elogia”, afirma.

A funcionária pública, Landa Sato, 46, experimentou e ficou fã do cafezinho. “Fui criada em fazenda e o fogão a lenha me lembra a minha infância. Comida caseira, cafezinho e até essas louças me trazem muitas memórias. Fiquei emocionada”.

Tetê Alcândida participou da montagem da cozinha cenográfica. Ela conta que as louças foram cuidadosamente escolhidas para que as pessoas se sintam em um sítio.

“Tudo foi pensado para valorizar a cultura do interior do Brasil”, diz. Além do cafezinho ser sucesso entre os visitantes brasileiros, a Tetê também ganhou fãs internacionais. Turistas da Suíça e do México experimentaram e aprovaram o sabor do café tipicamente brasileiro.

“Eles chegaram aqui curiosos e eu servi o café. Foi muito gratificante porque a gente não falava a mesma língua, mas a expressão deles era muito boa. Eles tomaram o café e fizeram aquele sinal de positivo, afirmando que estava muito bom”, orgulha-se a artesã.

A boliviana Ivete Sevilla, 50, enfermeira, que veio ao Fan Fest para ver a partida entre Brasil e Camarões no domingo (22), elogiou o espaço construído dentro da festa e aproveitou para tomar duas xícaras do café da Tetê.

“Esse café está no ponto certo. Lá na Bolívia eles coam e misturam com água e você mesmo dilui. Aqui está perfeito. O café do Brasil é o melhor do mundo, na minha opinião”, afirma.

Quem quiser saborear o café da Tetê ir ao FIFA Fan Fest. A cozinha cenográfica está montada dentro da arena, no Taguaparque, na estrutura do Maior São João do Cerrado.

Realizada nas 12 cidades-sede, o FIFA Fan Fest prevê transmissão de jogos e shows em todos os dias de jogos do Mundial, independentemente de serem em Brasília. As apresentações serão diárias, com exceção dos dias 27/6 e 2, 3, 6, 7, 10 e 11 de julho, datas em que não haverá jogos em nenhuma das 12 cidades-sede.