Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
15/02/21 às 13h36 - Atualizado em 15/02/21 às 14h08

Cartazes do Cine Brasília despedem-se do Metrô

COMPARTILHAR

Fotos de Marina Gadelha (Ascom/Secec)

Com informações da Ascom Metrô

15/02/21

13:01:01

 

O primeiro, maior e mais charmoso cinema de Brasília é também o vizinho mais ilustre da Estação 106 Sul, inaugurada em setembro deste ano. Para honrar a memória do Cine Brasília, a Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) abriu as portas da nova estação, também batizada com o nome do cinema, para abrigar a exposição “Cartazes Cine Brasília”, promovida pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal.

 

Hoje (15.02) é o último dia para apreciar os 44 pôsteres de filmes, que são peças de divulgação históricas de momentos consagrados do cinema na capital.

 

Leia mais:

Últimas Notícias do FBCB

Os vencedores do 53° Festival de Brasília do Cinema Brasileiro

Programação completa do FBCB

Linha do Tempo – Festival de Brasília

 

A mostra foi aberta no último 15 de dezembro, coincidindo com o início do 53º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro (FBCB), que, devido à Covid-19, deixou o cine e migrou para o Canal Brasil, streaming Canais Globo e canal de YouTube da Secec com mais de 620 mil espectadores. Nos dois meses em que permaneceu em cartaz, a exposição foi um convite para um mergulho na história cinematográfica da capital.

 

Os pôsteres são divididos em quatro categorias temáticas: Produções Brasilienses (como Amor ao Quadrado, de René Sampaio, e Fuga sem Destino, de Afonso Brazza); Sucessos da Crítica Nacional (Arábia, de Affonso Uchoa e João Dumans); Sucessos da Crítica Internacional (Acossado, de Jean-Luc Godard) e Festivais e Mostras de Cinema (com cartazes do FBCB e outros eventos do Cine Brasília).

 

EXPERIÊNCIA PILOTO

 

Em visita à exposição, o presidente do Metrô-DF, Handerson Cabral, e o secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues, reforçaram a intenção de firmar novas parcerias para transformar a Estação 106 Sul num espaço para exposições e outras iniciativas culturais.

 

 

“Para o Metrô-DF, foi uma honra receber essa exposição, principalmente nesta estação, que recebeu o nome do Cine Brasília. Foi um privilégio homenagear esse equipamento cultural tão importante para a nossa cidade. A exposição marca também o início de uma parceria com a Secretaria para desenvolver outros projetos culturais, apresentações artísticas, musicais, nesta estação, que é um anexo do Cine Brasília”, disse o presidente do Metrô-DF, Handerson Cabral.

 

 

O secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues, destacou a importância de se investir em espaços públicos que proporcionem cultura e entretenimento à população. “Esta exposição do Cine Brasília foi uma experiência piloto. Queremos transformá-la em uma parceria permanente. Vamos fazer essa parceria crescer para que esta iniciativa se repita em outras estações. Este é o nosso objetivo: levar cultura, conhecimento, entretenimento mesmo enquanto as pessoas vão para o trabalho, transformando as estações em espaços permanentes de acesso à cultura.”

 

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Cultura e Economia Criativa 

e-mail: comunicação@cultura.df.gov.br