Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
3/04/18 às 13h20 - Atualizado em 20/04/18 às 15h47

58º Aniversário de Brasília será plural

COMPARTILHAR

 

Outrora considerada capital do rock, hoje reconhecida como Cidade Criativa da Unesco pelo seu design, Brasília chega aos seus 58 anos esbanjando um perfil cada vez mais plural na área da cultura, que merece ser celebrada. Neste ano, a Secretaria de Cultura diversificou e descentralizou a programação do Aniversário de Brasília, com 32 atividades gratuitas das mais diversas linguagens e expressões artísticas espalhadas por dez regiões administrativas.

 

 

Baixe a Programação_Completa

 

 

Para a tradicional comemoração com shows musicais, neste ano a pasta reservou duas datas: 21 e 22 de abril, no palco montado na Esplanada dos Ministérios. No primeiro dia, Xand Avião e Preta Gil dão o tom eclético da noite, com a batida do forró eletrônico e todas as cores do mais recente álbum de Preta, que transita entre samba e funk. Para o dia 22, Brasília será palco de um encontro histórico do rap, com shows de G.O.G., Câmbio Negro e Mano Brown. Ao longo do dia 21, o público também poderá conferir programação musical familiar na Torre de TV em diversos horários.

 

Em ambas as ocasiões haverá apresentações de músicos locais, que serão selecionados por meio de chamamento público. As inscrições para artistas e grupos ficam abertas até o dia 9 de abril. Serão contratadas seis atrações com o cachê de R$ 10 mil cada, além de dois DJs, com R$ 2 mil cada, para tocar entre as apresentações. Acesse o formulário aqui.

 

Além dos formulários, os/as candidatos/as devem enviar também links com currículo e portfólio de vídeo com apresentações anteriores. O resultado preliminar estará disponível no dia 11 de abril, recebendo recursos até o dia 13. O resultado final será divulgado dia 14 no site da Secretaria de Cultura.

 

Pluralidade cultural

 

 

Além da música, recheiam a programação do mês de aniversário da capital espetáculos e oficinas cênico-circenses, contação de histórias e ainda atividades promovidas por iniciativa da sociedade civil, como o MID – Movimento Internacional de Dança, o festival de hip-hop Quando as Ruas Chamam, a exposição fotográfica Yawalapiti – Entre Tempos, o 4º Festival Espetaculim, o Repertório nos Parques e o festival República Blues. Esta programação se espalha por 10 regiões administrativas.

 

“Quisemos enfatizar a pluralidade cultural do Distrito Federal neste ano, como forma de fomentar a atividade artística e para reafirmar a identidade de Brasília como uma cidade formada pelas várias linguagens e tradições do nosso país”, ressalta o secretário de Cultura, Guilherme Reis.

 

Para o secretário, é importante que os festejos do aniversário apresentem toda a diversidade das expressões culturais do Distrito Federal e que tenham um caráter democrático e descentralizado. “Levaremos uma programação riquíssima para dez regiões administrativas e vamos coroar esta celebração com um belo show de artistas de peso da nossa música”, garante.

 

Capital Cultural

 

O projeto Capital Cultural é uma iniciativa que dá sequência a série de ações implementadas pela Secretaria de Cultura, que estabelecem como foco a democratização do acesso à cultura, a sensibilização de novos públicos e o fortalecimento e difusão das manifestações culturais, com programações gratuitas ao redor do DF.

 

Para isso, a secretaria firmou parceria com a organização da sociedade civil selecionada por meio de edital de chamamento público, a Associação Cultural Voar, para realização de curadoria, organização e gerenciamento das programações artístico-culturais, entre março e abril de 2018, em dez regiões administrativas, relacionadas às festividades do Aniversário de Brasília 2018 e ao 8º Fórum Mundial das Águas.

 

O investimento da Secretaria de Cultura para a realização do 58º Aniversário de Brasília é de R$ 1,6 milhão.

 

 

PROGRAMAÇÃO CAPITAL PLURAL

 

 

 

ABRIL INDÍGENA

 

13 de abril a 30 de junho

 

MEMORIAL DOS POVOS INDÍGENAS

 

Ocupação Culturas Vivas
De terça a domingo, das 10h às 21h (em abril) e 9h às 17h (em maio e junho), no Memorial dos Povos Indígenas

 

A Arte da Cerâmica
Dia 13/4, das 14h às 18h; e dia 14/4, das 10h às 16h, no Memorial dos Povos Indígenas

 

A Arte da Pintura Corporal
Dia 20/4, das 15h30 às 19h30, e dia 21/4, das 10h às 16h, no Memorial dos Povos Indígenas

 

A Arte da Cestaria
Dia 27/4, das 16h às 20h; e dia 28/4, das 10h às 16h, no Memorial dos Povos Indígenas

 

Cine Debate
De 24/4 a 26/04, às 19h, no Memorial dos Povos Indígenas

(Programação: 24/4 – Índios no Poder, Martírio; 25/04 – Para’i, Ex-Pajé; 26/4 – Tapayuna e Piripkura.
27/04, às 18h, Yawalapiti – Entre Tempos, Tempo de Kuarup, e Índio Presente. Haverá também apresentação de luta, bate-papo e exibição de fotos.

 

 

 

EXPOSIÇÕES

 

MUSEU NACIONAL

 

17 de abril
Do risco ao riso: a construção de Brasília nas caricaturas da imprensa
Exposição organizada pelo Arquivo Público do DF. Abertura da mostra às 19h. Visitação de 18 de abril a 6 de maio, das 9h às 18h30 (terça a domingo)

 

19 de abril 

Faça parte dessa história – “Yawalapiti – Entre Tempos”
Exposição de fotografias

Abertura da mostra às 19h, com apresentação de flauta sagrada. Visitação até 20 de maio.

 

TORRE DE TV

 

Mostra Acervo Brasília

Mostra do acervo da reserva técnica do projeto Mala do Livro. Dias 21 e 22 de abril, das 9h às 17h, na Torre de TV, com rodas de leitura, contação de história

 

 

MEMORIAL VIVO DA MEMÓRIA CANDANGA 

 

19/4

Exposição Restauro do Mobiliário Moderno de Brasília
Visitação até 4 de maio, das 9h às 17h (segunda a sábado)

 

 

ESPETÁCULOS CÊNICO-CIRCENSES

 

15 de abril
Parque Bosque do Sudoeste
11h e 16h – Tramoias Pra Enganar a Morte, da Cia. Voar (DF)

 

17 de abril
Escola Classe 21 de Ceilândia
10h – On Co Tô? Quem Cô Sô? Prom Cô Vô, do Circo Navegador (SP)
14h – João e o Pé de Feijão, da Cia Voar (DF)

 

18 de abril
Centro de Ensino Fundamental 8 de Sobradinho
9h30 – O Circo de Lampezão e Maria Botina, da Caravana Tapioca (PB)
15h – On Co Tô? Quem Cô Sô? Prom Cô Vô, do Circo Navegador (SP)

 

19 de abril
Centro de Ensino Fundamental 10 do Gama
8h30 – O Circo de Lampezão e Maria Botina, da Caravana Tapioca (PB)
13h30 – Boneco de Cor, do Teatro do Maleiro (GO)

 

20 de abril
Centro de Ensino Fundamental 801 do Recanto das Emas
10h – O Magicontador, de Eric Chartiot (RS)
14h – O Romance do Vaqueiro Benedito, do Mamulengo Presepada (DF)

 

23 de abril
Núcleo de Ensino da Unidade de Internação de Santa Maria (UISM)
9h – O Lançador de Foguetes, da Cia. De Pernas Pro Ar (RS)
14h – Mimicando, de Miqueias Paz (DF)

 

24 de abril
Instituto Aprender de Planaltina
14h às 17h – Oficina de perna de pau
Centro de Ensino Fundamental 11 do Gama
20h – Show de música instrumental de Marcos Farias

 

25 de abril
Obras Sociais São Sebastião de Brazlândia
14h às 17h – oficina de malabares

 

26 de abril
Espaço Cultural Azulim em Sobradinho II
14h às 17h – oficina de cantigas de roda

 

29 de abril
Parque Saburo Onoyama Taguatinga
11h e 16h – Os Meninos Verdes, da Cia. Voar (DF)

 

 

ESPETÁCULOS NA TORRE DE TV

 

21 de abril

 

10h às 13h30 – Projeto Samba na Praça

14h – O Grande Circo dos Irmãos Saúde do Circo Artetude (DF)
15h – Benedito e Boi Pintadinho da Cia. Pilombetagem (DF)
16h – Supimpa Trupe do Brincantes do Gama (DF)
17h – O Homem Banda de Mauro Bruzza (RS)

 

 

22 de abril

 

16h – Inka Clown do Circo Rebote (Peru)
17h – O Lançador de Foguetes da Cia. Pernas Pro Ar (RS)

 

 

SHOWS

 

 

20 de abril – Palco Funarte

 

18h – Carlos Pial

A partir das 19h – Festival República Blues (programação completa ao final)

 

 

21 de abril – Palco Funarte

 

17h – Gypsy Jazz Club

A partir das 18h30 – Festival República Blues (programação completa ao final)

 

 

21 de abril – Palco Esplanada

 

18h – Sabrina Vaz
19h – Aruc Samba Show
20h – Preta Gil
22h – Xand Avião
DJ Emídio (abertura e intervalos)

 

 

 

22 de abril – Palco Esplanada

 

16h30 – Rapadura Xique Chico
17h30 – Donas da Rima
18h30 – X Câmbio Negro
19h45 – G.O.G.
21h – Mano Brown
DJ Pegada Black (abertura e intervalos)

 

 

 

 

ORQUESTRA SINFÔNICA DO TEATRO NACIONAL CLÁUDIO SANTORO 

Dia 28/4

Parque Águas Claras

18h às 19h30 – Concerto Trilhas de Cinema

 


CENTRO CULTURAL TRÊS PODERES

Dia 27/4
Poderes da Arte na Escala Brasília

Projeção mapeada sobre a Maquete do Plano Piloto no Espaço Lúcio Costa.
20h – Lançamento do projeto com coquetel

 

Dia 28/4
Brasília, brinquedo de ler

Apresentação teatral para crianças de 3 a 8 anos com histórias da capital no gramado do Panteão da Pátria.

Sessões às 15h e 16h todos os sábados até 2 de junho

 

 

EVENTOS PARCEIROS

 

MID – Movimento Internacional de Dança
Até 29 de abril, no CCBB, Funarte, Rodoviária do Plano Piloto, IFB e unidades do Sesc Gama, Taguatinga e Ceilândia
Programação completa no site: https://www.movimentoid.com.br/

 

 

Festival Quando as Ruas Chamam (Sesc Ceilândia)
14 e 15 de abril

 

Dia 14
9h às 20h30 – Exposição fotográfica Quando as Ruas Chamam
10h – Exibição dos vídeos documentários “Quando as Ruas Chamam” e palestra sobre a história do hip-hop seguida de debate (haverá tradução em libras).
13h – Batalhas nacionais de rimas
14h – Battle Kids
14h30 – Bgirl Battle
15h – Top Rock Battle (filtros + batalhas)
16h – Cyphers (roda livre)
16h30 – Footwork Battle
17h30 – 1×1 Battle
19h – Show Banda Groove Attak + Cypher Kings /Queens

 

Dia 15
13h – Batalhas nacionais de rimas
14h30 – Seven to Smoke (filtros + batalhas)
15h30 – Cyphers (roda livre)
16h20 – Especial Battle
16h40 – Crew Battle (categoria principal com 16 grupos)

 

 

Festival República Blues (Funarte)

 

Dia 20/4
18h – Delta Boy Walt 1000
19h – Tex Quarteto Instrumental
20h – Thaise Mandalla
20h30 – Passo Largo
21h30 – Cisso Cerqueira
22h – Armandinho Macedo & Hamilton de Holanda
23h – Marcius Cabral
23h30 – Congo
0h30 – Bartô Blues
1h – Jefferson Gonçalves
2h – Moraes Brothers
2h30 – Cachorro Cego

 

Dia 21/4
17h30 – Delta Boy Walt 1000
18h – Protofonia
19h – Flávio Robbie
19h30 – Hermeto Pascoal
20h30 – Marlene Souza
21h – Dillo Daraújo
22h – Casa Vermelha
22h30 – Taryn Spillman
23h30 – Procurados Blues Band
0h – Blues Etílicos
1h – Márcia Campos
1h30 – Brazilian Blues Band
3h – Omar Colleman (EUA)